[DIário de Treino] - CConst

cconst

Well-Known Member

resultado de mais uma semana sem programação de treinos.

É verdade que neste momento o meu interesse é não deixar cair a forma... mas podia meter mais qualquer coisa. Acho eu.

Entretanto já tenho previsto ter acompanhamento nos treinos. Será a partir de setembro. O acompanhamento será remoto (online, com acesso ao treinador por whatsapp e telemóvel), com "prescrição" de treinos semanalmente após análise da semana anterior.

Acho que será a melhor opção tendo em conta as restrições horárias de treino que me imponho a mim mesmo, pois desta forma não fico "preso" aos horários de treino que os clubes habitualmente têm.

Vamos a ver como corre (em 11 atletas que levou a Setubal este ano, colocou 5 abaixo da minha meta de 5h30, em que um deles ficou em 10º do seu escalão - 62 da geral).
 

NULL

Well-Known Member

resultado de mais uma semana sem programação de treinos.

É verdade que neste momento o meu interesse é não deixar cair a forma... mas podia meter mais qualquer coisa. Acho eu.

Entretanto já tenho previsto ter acompanhamento nos treinos. Será a partir de setembro. O acompanhamento será remoto (online, com acesso ao treinador por whatsapp e telemóvel), com "prescrição" de treinos semanalmente após análise da semana anterior.

Acho que será a melhor opção tendo em conta as restrições horárias de treino que me imponho a mim mesmo, pois desta forma não fico "preso" aos horários de treino que os clubes habitualmente têm.

Vamos a ver como corre (em 11 atletas que levou a Setubal este ano, colocou 5 abaixo da minha meta de 5h30, em que um deles ficou em 10º do seu escalão - 62 da geral).
Boas!!

Podes informar a malta de quem se trata ou preferes não divulgar?

;)
 

cconst

Well-Known Member
@NULL para já que ainda não efectivei a coisa, preferia "não por a carroça à frente do burro". Assim que a coisa se efectivar colocarei por aqui e como tenho feito até à data, irei continuar a actualizar este diário de treino e a dar algum feedback do que sinto ou deixo de sentir.
 

cconst

Well-Known Member
Mais uma semana que culminou nuns 132km com uma companhia na primeira metade que me fez um mossa valente. O vento!


Consegui ainda durante esta semana (apesar de não estar registado) fazer alguns exercícios de mobilidade em casa, bem como alguns [poucos] de força.
 

cconst

Well-Known Member
Mais uma semana de off season:


Estarei de férias até ao final de Agosto, altura em que iniciarei um novo ciclo, desta vez com acompanhamento. Até lá, será mais do mesmo.
 

cconst

Well-Known Member
@Ganfas Já está definido sim. Ainda não tive a oportunidade de perguntar se ele vê algum inconveniente em o publicitar (apesar de eu achar que não terá problemas, não gosto de referir outras pessoas sem ter a sua autorização). Tenho que ver se me lembro de o fazer.
 

cconst

Well-Known Member
Olá!

O setembro chegou e com ele uma nova vida. Quase como que um regresso às aulas.

Na semana que passou iniciei uma nova etapa: treinos prescritos e acompanhados por alguém mais competente na coisa do que eu. E certamente com mais experiência. Projeto Wikaboo e Nuno Barradas.

O projeto Wikaboo apareceu sugerido por um conhecido que me referiu que sendo um treino acompanhado (à distância) não deixa de ser acompanhado e ajustado à medida da evolução e assiduidade. O nome não me era totalmente desconhecido, já tendo lido alguns relatos (blogs) de triatletas que eram ou são acompanhados pelo Nuno onde referiam que a sua evolução em muito se deveu ao trabalho dele. Tendo em conta que tenho uma agenda que não me permite comprometer com um clube e ser assíduo aos treinos (tipicamente em horários que gosto de dedicar à família), esta situação fez-me sentido.

Posto isto, a primeira semana ficou assim, com testes à mistura:


Os "verdinhos" acima são resultado de motivação de um novo começo e de ainda ter o herdeiro de férias com os avós. Quando o herdeiro voltar... vamos a ver como corre (em especial ao fim de semana).

Para já, e face ao que fazia no passado, duas alterações:
1. Treino por zonas HR em algumas sessões de bike e corrida;
2. Treino por ritmo (corrida) em vez de ser por RPE (o que no meu caso era muito subjectivo, tendo em conta o estado de espírito desse dia);

A sessão de bike no sábado foi feita numa "veterana" de ferro, Fabrico Sangal do Cconst sénior. Foi volta plana pois a desmultiplicação 2x5 não me pareceu que fosse muito dada a grandes subidas:



Esta bicicleta já não rolava (tirando a saída da garagem para manutenção) há uns bons 20 anos! E tenho a dizer que ainda rola bastante bem apesar do empeno na roda traseira (devido a uma queda minha à cerca de 20 anos :cool:). O selim... o selim é que me atormentou... acho que está mal ajustada para mim (penso que o selim baixo e um pouco inclinado para baixo).


Estive um bocadinho reticente em colocar aqui isto, pois mesmo tendo obtido autorização implica um terceiro que não está presente. Além do mais, tenho receio que resultados negativos na minha evolução fiquem ligados ao Nuno quando na verdade o primeiro responsável serei sempre eu.

Abraços e bons treinos!
 

cconst

Well-Known Member
Isso sim é uma ferramenta de treino. Quanto mais pesada for mais leve te vai parecer a tua em dias de prova...
@pratoni devo dizer que não me parece propriamente pesada a rolar. E até gostei, mas para usar regularmente teria que rever algumas coisas que não gostei tanto:
  • posição na bike;
  • guiador (demasiado curvo junto às manetes;
  • selim;
  • desempenar rodas;
  • velocidades/desmultiplicação;
De resto... acho que vou cuidar dela para que sempre que vá "à terra" tenha ferramenta de treino para usar.
 
@pratoni devo dizer que não me parece propriamente pesada a rolar. E até gostei, mas para usar regularmente teria que rever algumas coisas que não gostei tanto:
  • posição na bike;
  • guiador (demasiado curvo junto às manetes;
  • selim;
  • desempenar rodas;
  • velocidades/desmultiplicação;
De resto... acho que vou cuidar dela para que sempre que vá "à terra" tenha ferramenta de treino para usar.
Tudo coisas boas, até a curvatura do guiador, obriga-te a andares com as mãos em baixo
Sendo para andar assiduamente ou esporadicamente, todas as coisas são para se fazer, a posição, a roda, as fitas, aproveitas e metes cabos e espirais
 

cconst

Well-Known Member
Tudo coisas boas, até a curvatura do guiador, obriga-te a andares com as mãos em baixo
Sendo para andar assiduamente ou esporadicamente, todas as coisas são para se fazer, a posição, a roda, as fitas, aproveitas e metes cabos e espirais
Esta bici foi "recuperada" há coisa de 2 ou 3 anos e levou, (pelo que tenho ideia) espirais, cabos e fitas. Mas sim, tenho que cuidar porque acho que ficou o "bichinho".
 

cconst

Well-Known Member
Mais uma semana que terminou, e com alguns desafios pelo meio... Em especial por causa do primeiro dia de aulas da descendência, que trás sempre um extra de incertezas nos horários e horas de sono... já para não falar de festas de aniversário pelo fim de semana...

Ainda assim, com toda esta agitação consegui cumprir quase na integra e o dia que não cumpri, foi por impossibilidade técnica (piscinas fechadas para manutenção no único horário que eu tinha disponível).


O primeiro vermelho é o brick prescrito... que não dá (ou não consigo) juntar dados de duas actividades (ou mesmo multiactividade do Garmin) para o TP.

Apanhei ainda algumas dificuldades, sendo que a maior esta semana teve a ver com a corrida e progressões. Apesar de o treino de sábado estar "verdinho" na realidade falta-lhe um intervalo mais intenso que não consegui cumprir. O corpo já ia queixar-se há muito e as poucas horas de sono acumuladas até então já estavam a fazer mossa.

Ainda assim, foi uma semana boa. Louca, mas boa.
 

cconst

Well-Known Member
Em semana de IM 70.3 Cascais...

Grande kudos aos IronBrothres!!!
Apesar de não terem terminado de forma oficial o evento, terminaram-no dentro do tempo limite total da prova. Acontece que falharam o tempo de cut-off na transição 2 (da bike para a corrida), mas ainda assim os árbitros abriram caminho para que pudessem seguir para o segmento de corrida. Ao terminar a prova, a organização não os deixou passar pela meta, celebrando assim o esforço de dois irmãos e uma caminhada com o objectivo de sensibilizar para paralisia cerebral.
https://www.facebook.com/IM703Portugal/photos/a.1824104471173543/2380481098869208/?type=3&theater]
[/url]

O merecido aplauso à chegada alternativa (lateral à meta):


Quanto à minha muito humilde jornada:


Correu tudo como devia. Dias complicados com progressões, sprints em natação... Mas no sábado numa voltinha rolante de bike, senti-me bem. Muito bem mesmo. Ia a curtir o estar na rua num ritmo confortável que até decidi subir de VFX até ao miradouro de Monte Gordo pela primeira vez. Arrependi-me algumas vezes dessa decisão, mas valeu!