Treinar para o Angliru

Afonso_Albufeira

Well-Known Member
Mesmo assim não estou a ver como se consegue manter o equilíbrio a 4km/h, numa subida a mais de 20% sem tombar. É uma relação de 1.39. Ou sequer conseguir pedalar.
Deixa de ser ciclismo e passa a ser equilibrismo. Subir o Angliru com 39x28 nem aos zig-zags. 36x32 e mesmo assim . . .

Some Angliru gearing
Cobo 34×32 (28.3-inch);
Nibali 34×29 (31.2-inch);
Froome and Wiggins 38×32 (31.6-inch);
Kessiakoff 34×28 (32.3-inch);
Fuglsang and Mollema 36×28 (34.2-inch);
 

FilipeNasa

Active Member
Entretanto alguns meses passaram e a bicicleta pouca estrada viu. O Angliru está ainda mais distante.
Agora é o Covid a atrapalhar!
Entretanto...alguem que "cá tenha passado" está com ideias de ir lá este ano? Algum reincidente? :D
 

FilipeNasa

Active Member
@FilipeNasa e agora com este post lembrei-me... Como está a tua pequena? (se já o disseste desculpa, escapou-me)

Abraço
Olá Pacheco.
Ainda estamos a aguardar o resultado de um estudo genético. Até sair o resultado, a apreensão faz parte do quotidiano. Mas a pequena vai evoluindo naturalmente...e tentamos focar nas pequenas coisas tão características desta tenra idade.
Grato pela atenção.
 

FilipeNasa

Active Member
Quando iniciei este tópico, estava entusiasmado com a possível ida ao Angliru, mas a vida tratou de me trocar os planos, como tantas vezes acontece. Mas não tirou o entusiasmo! Tenho assistido a vídeos enquanto treino (maioritariamente rolo nesta fase - carpe diem) e tenho para mim que não sei se lá irei em 2023...se irei de manhã ou de tarde...se irei ou não...mas que sinto o entusiasmo que sentia inicialmente, isso parece-me um facto. E o entusiasmo/sonho comanda a vida!
Com este tópico aprendi a ter mais respeitinho pela "empreitada". Os comentarios de quem já a fez e os conselhos de quem é entendido na matéria deram-me pés assentes na realidade. Estou mais longe de conseguir que estava há um ano atrás...mas o entusiasmo está cá todo!
A subida absurda continua a exercer o fascinio de sempre...resta piscar-lhe o olho e deixar fluir...
 

NunoAlves

Active Member
Não percas o entusiasmo. Se tiveres tempo de ir lá, vai. Se não tens objetivos de bater tempos no Strava, não te preocupes com preparações. Eu já lá fui com uma bicicleta do continente que custou nova menos de 100 €, sem preparação especial e a sensação de conseguir foi espetacular. Pus o pé no chão várias vezes, demorei umas 2h... mas, e quê?
 

FilipeNasa

Active Member
Não percas o entusiasmo. Se tiveres tempo de ir lá, vai. Se não tens objetivos de bater tempos no Strava, não te preocupes com preparações. Eu já lá fui com uma bicicleta do continente que custou nova menos de 100 €, sem preparação especial e a sensação de conseguir foi espetacular. Pus o pé no chão várias vezes, demorei umas 2h... mas, e quê?
Bater tempos no Strava?!? Essa está boa:D
Nada disso. O objectivo é ir...e depois de lá estar, chegar ao topo. Se o conseguir sem levar o pé ao chão, óptimo. Se não, paciência...mas lá eu penso nisso.
Uma coisa sei: o objectivo passa por subir...mas não passa por descer!
 

NunoAlves

Active Member
Bater tempos no Strava?!? Essa está boa:D
Nada disso. O objectivo é ir...e depois de lá estar, chegar ao topo. Se o conseguir sem levar o pé ao chão, óptimo. Se não, paciência...mas lá eu penso nisso.
Uma coisa sei: o objectivo passa por subir...mas não passa por descer!
Digo-te já, vais chegar ao topo! Melhor ou pior, se não houver melindres psicológicos ou lesões, toda a gente chega.

Mas agora que falas, lembro-me que a descida é desafiante, sobretudo nas partes inclinadas e com piso molhado. E se aparecerem algumas vacas/bois...
 

FilipeNasa

Active Member
Digo-te já, vais chegar ao topo! Melhor ou pior, se não houver melindres psicológicos ou lesões, toda a gente chega.

Mas agora que falas, lembro-me que a descida é desafiante, sobretudo nas partes inclinadas e com piso molhado. E se aparecerem algumas vacas/bois...
Se tivesse discos na bicicleta, talvez tentasse...talvez.
Assim não tento, porque sou muito consciente das minhas limitações!
Estão a ver o gajo mais azelha do vosso grupo nas descidas?? É triplicar!!
O meu "asa" goza comigo por eu ser patético a descer...e não é que o gajo tem razão?! :D:cool:
 

Negoci8er

Well-Known Member
Se tivesse discos na bicicleta, talvez tentasse...talvez.
Assim não tento, porque sou muito consciente das minhas limitações!
Estão a ver o gajo mais azelha do vosso grupo nas descidas?? É triplicar!!
O meu "asa" goza comigo por eu ser patético a descer...e não é que o gajo tem razão?! :D:cool:
Uma vez, estava na loja onde comprei a bike de estrada, e estava um cliente a queixar-se que as pastilhas duravam pouco...
O Sr. da loja estava a explicar-lhe que as pastilhas orgânicas eram mais confortáveis na travagem, mas mais sensíveis ao desgaste. Agora tinha colocado pastilhas semi-sintéticas que durariam mais...
O cliente foi-se embora e diz ele para mim:
- "É um temeroso nas descidas... está sempre a travar e depois queixa-se que as pastilhas não duram nada!" :D
 
Top