• Olá Guest , consideras uma subscrição anual de 16€ para manter o fórum online? Se alinhas deixa a tua mensagem neste tópico.

Novidades desta modalidade, as bikes (fotos)..

Bruso

Well-Known Member
SOIGNEUR
Por enquanto...foi de propósito, o meu engano
penso que vai demorar a chegar a 14. Pelo que li este grupo é mais especifico para Gravel e faz todo o sentido para retirar um prato da frente. A Shimano só ainda não lançou 13 porqeu deve estar com problemas na patente da cassete. Principalmente para aquele cog de 10 dentes.
 

joseruivo

Well-Known Member
SOIGNEUR
penso que vai demorar a chegar a 14. Pelo que li este grupo é mais especifico para Gravel e faz todo o sentido para retirar um prato da frente. A Shimano só ainda não lançou 13 porqeu deve estar com problemas na patente da cassete. Principalmente para aquele cog de 10 dentes.
Mas eles já têm carreto de 10 dentes em BTT e gravel. Já tinham carreto de 10 em BTT quando lançaram grupos de 12 v para estrada
 

joseruivo

Well-Known Member
SOIGNEUR
penso que vai demorar a chegar a 14. Pelo que li este grupo é mais especifico para Gravel e faz todo o sentido para retirar um prato da frente. A Shimano só ainda não lançou 13 porqeu deve estar com problemas na patente da cassete. Principalmente para aquele cog de 10 dentes.
Quando a Shimano lançar de 13v, a Sram lança de 14 v logo a seguir :p

Para o utilizador sem pretensões competitivas, 13v monoprato deve ser tão bom ou melhor do que 10v x 2, digo eu.
 

Carvalhon

Well-Known Member
SOIGNEUR
Agora para leigos, para quem faz lazer, as antigas de 2 pratos e até de 3, como a minha rockrider de BTT (3x8), não acaba por ser mais versátil que estás modernices só de 1 prato?
 

Bruso

Well-Known Member
SOIGNEUR
Agora para leigos, para quem faz lazer, as antigas de 2 pratos e até de 3, como a minha rockrider de BTT (3x8), não acaba por ser mais versátil que estás modernices só de 1 prato?
Para quem não anda nisto com vontade competitiva e de tentar melhorar ao maximo, qualquer coisa serve.
Estes desenvolvimento são feitos mais para esse público alvo.

Mas eles já têm carreto de 10 dentes em BTT e gravel. Já tinham carreto de 10 em BTT quando lançaram grupos de 12 v para estrada
mas é um cepo diferente certo? Mas verdade seja dita, a Shimano anda sempre uns anos atrás da SRAM. Tem uma posição tão forte no mercado que dá-se ao luxo de esperar. A Campgonolo por outro lado, teve que jogar em antecipação para tentar ganhar mercado mas parece que precipitou-se com o Ekar.
 

joseruivo

Well-Known Member
SOIGNEUR
Agora para leigos, para quem faz lazer, as antigas de 2 pratos e até de 3, como a minha rockrider de BTT (3x8), não acaba por ser mais versátil que estás modernices só de 1 prato?
Em termos absolutos sim; na prática é muito mais agradável 1x12 do que 3x10, por exemplo.
 

Carvalhon

Well-Known Member
SOIGNEUR
Esquece os pratos à frente... com as constantes mudanças de inclinação do terreno e rapidez com que tens que usar as mudanças, é muito mais fácil e intuitivo de usar somente o desviador traseiro.
Pois, aí tens razao, mesmo eu que não ando nada, quando passava de uma descida, para uma subida inclinada, tinha de mudar de prato e cassete, muitas vezes lá ia a corrente fora, mas tb podia ser falta de jeito. Mas lá está, vai mais para a performance. Do ponto de vista de se ter andamentos para ritmos lentos e rápidos deve-se ficar a perder.

Para quem não anda nisto com vontade competitiva e de tentar melhorar ao maximo, qualquer coisa serve.
Estes desenvolvimento são feitos mais para esse público alvo.
Acredito que sim, mas se eu agora quisesse trocar de BTT, não ia ser fácil arranjar uma com 2/3 pratos... Mesmo na Decathlon não sei. Não é algo que ande a ver com atenção, mas tenho ideia de já não ver lá BTTs sem serem só de 1 prato.
 

nmt

Well-Known Member
Em BTT a utilização de um mono-prato é quase essencial, a facilidade de utilização assim como a possibilidade de reservar o manípulo esquerdo para o comando do dropper post (este sim, essencial para o BTT) faz toda a diferença. Mesmo numa bike de XC duvido que alguém sinta falta de multiplicação e/ou desmultiplicação por exemplo com um prato 34 e cassete 11-51.
 

GuilhermeOliveira

Well-Known Member
SOIGNEUR
Quando vamos dar uma voltinha a serra de Sintra, vamos dar uma voltinha á não há a volta a dar, agora é subir, tem lá uma subidinha cimentada que é um belo petisco, não, não é a que vai do centro para cima, é do lado oposto, a ver o mar, a maioria subio a empurrar a bicicleta, tudo com rodas 29, quase tudo carbono, cassetes com 50 dentes e pessoal que andava habitualmente, alguém no meio fez birra por levarem o pessoal por ali e alguém saiu com a célebre frase, "agora não há volta a dar"
Estou farto de ver pessoal empurrar bicicletas, eu inclusive, não subo nada, desço mal e até estou acima da média, a descer claro
Quando é a subir o pessoal esta-se cag quantos pratos tem, quantos carretos
Meteo prato mais pequeno e o carreto maior e vai até onde aguenta, o resto, é o resto, empurra até lá acima, se conseguir fazer tudo em cima dela, melhor
É que a maioria sem muito treino, quando passa das 75rpm começa a bufar que nem uma locomotiva a vapor, sai ar por todo o ladoooo, e por pouco tempo
 

pratoni

Well-Known Member
SOIGNEUR
A kona está à venda...

Foi re-comprada pelos fundadores:

 
Top Bottom