Strava

Eu aproveitei um link que por aqui publicaram, e subscrevi 90 dias gratuitos... Até já coloquei o lembrete da praxe para cancelar uns dias antes de terminarem os 90.

Sinceramente não me causa grande transtorno a questão dos segmentos. Desde que consiga ver os meus tempos para mim chega.

Mas gostei de ler esta troca de argumentos e opiniões.

@André_Alecrim eu apostaria um rim em como a tua área de formação é em ciências sociais ;)
Hmmm já sei onde é que isso vai parar, é melhor não aprofundar ;) ✌️
 

RTC

Moderador
Staff member
Considero o Strava umas das apps mais bem conseguidas dos últimos tempos, a todos os níveis e em todas as áreas. É sem dúvida um caso de sucesso que congregou milhões de ciclistas por esse mundo fora com funcionalidades muito interessantes.
Mas julgo que por vezes se dá mais a importância ao Strava do que ao próprio acto de pedalar e já não conseguem separar um do outro.
Já vi malta a stressar completamente porque por algum motivo o gps não estava a carregar a volta ou estava a demorar mais uns minutos do que habitual.
Acredito que se por algum motivo o Strava estivesse off uns dias haveria muita gente de mau humor.
É esta dependência que não é saudável. Há mais vida para além do Strava e já se pedalava antes de haver Strava e gps.
Penso que as funções que ficam no free servirá para um grande número de pessoas e de certa maneira concordo que se tenha que pagar para ter acesso a certos conteúdos. Não me choca. Discutir se é correcto ou não nesta fase depois de tantos anos de desenvolvimento e contributos fica à consideração de cada um. Uma coisa é certa...barato não é!
Como disse atrás, no meu caso, que uso o strava desde início de 2012 até agora não sinto falta das funções que retiraram. À excepção do criador de rotas mas o garmin connect resolve.
 
Last edited:
Percebo algumas coisas básicas , mas tenho amigos muito próximos que percebem bastante, quando digo que não é muito complicado estou estou referir-me a pessoas desse nível. Que estão habituados a fazer este tipo de apps, e nesse meio existem várias pessoas com know how para o fazer e que eventualmente o fariam para ser uma app open source em rede...
Mas olha que sou programador e o que estás a dizer até é meio ofensivo!
Lá porque é "fácil" para alguém, tem que o fazer de borla? Imaginas o número de pessoas e horas que é preciso para fazer um Strava? Um Strava não são só segmentos!
Quando é que essas pessoas vão fazer isso de borla? Ao fim de semana? Vão sacrificar lazer/família para outros andarem a criar os seus segmentos à borla? Ou fazem disso um trabalho normal e vivem da família e amigos?
E depois, quando estiver feito, onde é que vão buscar o dinheiro para manter o sistema? Se calhar no início é "pouco" dinheiro... Mas uma plataforma como o Strava já deve estar a pagar milhares só para manter tudo online!
Não é só ter ali um servidor debaixo da secretária... São vários em redundância para quando um falha ou está sobrecarregado. Ou mesmo quando estão a submeter atualizações/correções!
E a quantidade absurda de dados que têm, onde é que se guarda? E, mais uma vez, em redundância também para não se perder nada com a falha/manutenção de uma base de dados...
Já alguma vez viste o Strava em baixo por alguma falha ou manutenção? Eu não... E também não é lento! E para isso é preciso uma estrutura grande e cara por detrás que o utilizador não vê!

Isto é tudo menos fácil!
Fácil é utilizar o Strava... Porque está bem feito. Porque levou com um investimento que nem imaginamos. E continua a levar!
 

Paulo Almeida

Well-Known Member
Já vou encomendar um equipamento novo com a imagem de uma tartaruga. Fica ja resolvido :p

:p
Percebo algumas coisas básicas , mas tenho amigos muito próximos que percebem bastante, quando digo que não é muito complicado estou estou referir-me a pessoas desse nível. Que estão habituados a fazer este tipo de apps, e nesse meio existem várias pessoas com know how para o fazer e que eventualmente o fariam para ser uma app open source em rede...
:oops::oops::oops::oops: what? Não é complicado? Não.... é.... complicado?? Este tipo de apps? Isto não é um jogo, ou um qr code reader...
Ok, faz assim, diz "challenge accepted" e tenta perceber o necessario para criar uma APP em android, depois boa sorte em teres essa APP aprovada para IOS, nem k seja só para dizer "hello world". Depois força aí no open source, ubuntus e postgres ou mongos em suporte (nos foruns de suporte, com certeza te vao propor o mesmo com esta abordagem, desenvolver o teu proprio sistema operativo e base de dados). Depois servidores... hoje em dia tens de ter tudo na cloud, ou isso, ou um datacenter proprio (para isto já não basta ser rico, ja tens de ter muito poder economico). Datacenter envolve ar condicionado, routers, cablagem... é pah... esquece... não tens noção... tipo nenhuma... Nem vamos falar no know how, porque o primeiro desafio é teres a app a funcionar por si só, depois é ligar com um aparelho, depois é ligar com todos os aparelhos, com os varios bluetooths... ai...até me dói só de pensar... To nem aí.
 

Tourmalet

Well-Known Member
Esta tocou-me pessoalmente... Os equipamentos que uso são o de campeão do mundo do Sagan e o de campeão holandês do Van Der Poel, pela lógica é uma vergonha eu andar com eles porque ando pouco... Eh pah vamos lá ter um bocado mais de noção . São os meus ídolos no ciclismo actualmente, gosto de ciclismo, gosto de andar de bike... Que razões mais eu preciso pra ter um equipamento como o deles? Andar com médias elevadas? Lá por andar pouco isso significa que parece mal andar com um equipamento de campeão do mundo? Isto foi das coisas mais sem lógica que li nos últimos tempos, mas isso é a minha opinião, e essa é a tua. E isso vale o que vale.
Antigamente dizia-se que as mulheres de pernas feias não deviam usar mini-saia, hoje em dia o politicamente correcto diz que todos podemos usar mini-saia, por isso, avançámos muito nas mentalidades, mas o bom senso é algo que não se deve deitar fora. A internet é assim, sobretudo quando aparentemente fugimos à cartilha do politicamente correcto, acabamos, mesmo sem querer, por atingir alguém, de qualquer forma não foi essa a intenção.

O ciclismo de estrada é um desporto perigoso, e partilhar a estrada com carros e outros ciclistas não é dar uns pontapés na bola com os amigos na praia. Não tenho nada contra quem treina com camisolas de campeão do mundo, mas quem não tem ritmo pra andar na estrada, deve andar com elas sempre que possivel, nas ciclovias, estradas abandonadas, em trilhos de BTT, no Zwift, etc.

Por experiência reparo que muitos que se arrastam perigosamente na estrada são aqueles que mais se preocupam com o desfilar de equipamentos e material, normalmente imaculados, e os que mais andam são os que estão a cagar-se completamente pra isso (alguns até andam com equipamentos rotos de tanto roçar)

É isto e só isto. Abraços
 

jocarreira

Well-Known Member
O ideal era os camaradas ciclistas juntarem-se todos e fazer uma manifestação (pode ser na Alameda, mantendo a distância de segurança) a favor da nacionalização do Strava.
Assim, os segmentos passavam a ser de domínio público e todos os ciclistas (pobres e ricos) podiam usar de forma gratuita.
Quanto às despesas dessa empresa pública, o Estado pagava (ou melhor, pagavam todos com os seus impostos quer sejam utilizadores ou não).

O Decreto-lei poderia começar assim: "Devido ao elevado interesse público e à extrema importância que o Strava tem para a comunidade ciclista, quer no seu bem estar, na motivação ou na medição do estado de forma (vulgo "medição de pilinhas"), o governo decreta a nacionalização do Strava...."

P.S: se esta operação correr bem, podemos voltar a manifestar-nos desta vez contra o capitalismo desmedido em que o desporto ciclismo se está a tornar, não é justo o meu vizinho ter uma Pinarello de 10.000€ e eu uma Btwin de 500€.
 
Antigamente dizia-se que as mulheres de pernas feias não deviam usar mini-saia, hoje em dia o politicamente correcto diz que todos podemos usar mini-saia, por isso, avançámos muito nas mentalidades, mas o bom senso é algo que não se deve deitar fora. A internet é assim, sobretudo quando aparentemente fugimos à cartilha do politicamente correcto, acabamos, mesmo sem querer, por atingir alguém, de qualquer forma não foi essa a intenção.

O ciclismo de estrada é um desporto perigoso, e partilhar a estrada com carros e outros ciclistas não é dar uns pontapés na bola com os amigos na praia. Não tenho nada contra quem treina com camisolas de campeão do mundo, mas quem não tem ritmo pra andar na estrada, deve andar com elas sempre que possivel, nas ciclovias, estradas abandonadas, em trilhos de BTT, no Zwift, etc.

Por experiência reparo que muitos que se arrastam perigosamente na estrada são aqueles que mais se preocupam com o desfilar de equipamentos e material, normalmente imaculados, e os que mais andam são os que estão a cagar-se completamente pra isso (alguns até andam com equipamentos rotos de tanto roçar)

É isto e só isto. Abraços
Ah eu que não me quero preocupar muito com médias mas sim em passear, descontrair e manter alguma forma física não posso andar na estrada como todos os outros?
Tenho que me arrastar a 25 ou 30kms/h numa ciclovia cheia de cortes, raízes de árvores a levantar o piso, pessoas a pé, crianças de bicicleta...?
 

Bruso

Well-Known Member
Se é como tudo na vida, poderá ser interpretado como sendo uma regra absoluta da vida, que não é.. Mas tranquilo eu não quero discutir aqui...O que quero dizer é que cada vez mais o ciclismo se torna um desporto de elites e cada vez mais os que têm menos condições são excluídos de participar, não legalmente obviamente, mas ao não terem acesso às mesmas condições materiais não podem participar numa condição mais ou menos igual e por isso a sua evolução e possibilidade de atingirem o seu desenvolvimento pleno como atletas, se for essa a sua vocação, fica cada vez mais difícil e distante.. E isto obviamente não é só em relação ao Strava mas ao ciclismo no geral.. Aliás o Strava era algo que atraía mais gente e permitia mais gente de participar e desfrutar do desporto com alguma qualidade, mas já não tanto infelizmente...
Ainda não li os comentários todos mas temos aqui um Socialista (de certo que votas no Costa). Não pode haver diferenças, as marcas de Bikes deviam colocar o preço das Bikes em relação ao teu escalão de IRS. Os ricos deviam pagar uma sobretaxa para ter acesso ao mesmo que os mais pobres. Vamos tornar o Ciclismo num estado social/comunista.
 

Bruso

Well-Known Member
Strava não pagou um cêntimo pelo trabalho que lhes é mais essencial e que lhes valoriza mais, é por isso que era "grátis"...
O Strava pagava o salário aos trabalhadores e servidores para tu puderes fazer isso. Não te pagam diretamente mas ofereciam te a plataforma.
Concordo plenamente quando dizes que o Strava não seria nada se não fosse gratuito. Mas agora chegaram a um ponto de maturidade em que tem milhões de utilizadores que lhes permite dar o passo seguinte na evolução da empresa.
O Facebook quando começou era exclusivo da universidade e era apenas para o pessoal se conhecer. Com o tempo avançou e hoje em dia é das empresas mais lucrativas do mundo. Continua a ser grátis e sabes porquê? Quando não pagas por um produto o produto és tu.
 
Antigamente dizia-se que as mulheres de pernas feias não deviam usar mini-saia, hoje em dia o politicamente correcto diz que todos podemos usar mini-saia, por isso, avançámos muito nas mentalidades, mas o bom senso é algo que não se deve deitar fora. A internet é assim, sobretudo quando aparentemente fugimos à cartilha do politicamente correcto, acabamos, mesmo sem querer, por atingir alguém, de qualquer forma não foi essa a intenção.

O ciclismo de estrada é um desporto perigoso, e partilhar a estrada com carros e outros ciclistas não é dar uns pontapés na bola com os amigos na praia. Não tenho nada contra quem treina com camisolas de campeão do mundo, mas quem não tem ritmo pra andar na estrada, deve andar com elas sempre que possivel, nas ciclovias, estradas abandonadas, em trilhos de BTT, no Zwift, etc.

Por experiência reparo que muitos que se arrastam perigosamente na estrada são aqueles que mais se preocupam com o desfilar de equipamentos e material, normalmente imaculados, e os que mais andam são os que estão a cagar-se completamente pra isso (alguns até andam com equipamentos rotos de tanto roçar)

É isto e só isto. Abraços
Companheiro, por eu fazer médias de 25 ou 26km/h e não de 30km/h como os mais "experientes" isso não me dá menos direito a andar na estrada do que eles e a vestir pior que eles. Aliás se me apetecer andar a 10km/h ando e ninguém tem nada a ver com isso, a estrada que eu saiba é pública.
Estamos sempre a defender-nos uns aos outros(ciclistas) por causa dos condutores que não nos querem na estrada, desconhecia é que existem pessoas do nosso meio que também não querem que pessoal mais lento ande na estrada. É assim que vamos :rolleyes:
Abraço na mesma
 

cou7inho

Well-Known Member
Desde quando não se pode andar na estrada a 10 km/h se me apetecer?
Desde quando não se pode usar a camisola de campeão do mundo?
Desde quando não se pode ter uma bicicleta de 5 000€ e não se ter pernas que justifique tal máquina?

Nem todas as terras tem ciclovias e mesmo que tenham não somos obrigados a circular nelas, muitas das vezes em condições lastimáveis.
O Zé Manel pode usar a camisola do Ronaldo e não é por isso que deve ser criticado.
Muitos compram carros de 50 000€ e nem sequer têm dinheiro para o manter e muitos compram só porque é um Mercedes, Audi, BMW...

Acho que está aqui a haver um ataque a certas coisas que é completamente dispensável. Felizmente somos livres de usar o que quisermos e gastar o nosso dinheiro da forma que bem nos apetecer. Acho que há aqui certos users que devem repensar a forma como olham para quem não tem tanta condição física ou para quem gosta de andar "mais bonitinho" em cima da bicicleta.

Acho que o melhor é não alongarem muito mais este tema afinal isto é um tópico sobre o Strava.
 
Desde quando não se pode andar na estrada a 10 km/h se me apetecer?
Desde quando não se pode usar a camisola de campeão do mundo?
Desde quando não se pode ter uma bicicleta de 5 000€ e não se ter pernas que justifique tal máquina?

Nem todas as terras tem ciclovias e mesmo que tenham não somos obrigados a circular nelas, muitas das vezes em condições lastimáveis.
O Zé Manel pode usar a camisola do Ronaldo e não é por isso que deve ser criticado.
Muitos compram carros de 50 000€ e nem sequer têm dinheiro para o manter e muitos compram só porque é um Mercedes, Audi, BMW...

Acho que está aqui a haver um ataque a certas coisas que é completamente dispensável. Felizmente somos livres de usar o que quisermos e gastar o nosso dinheiro da forma que bem nos apetecer. Acho que há aqui certos users que devem repensar a forma como olham para quem não tem tanta condição física ou para quem gosta de andar "mais bonitinho" em cima da bicicleta.

Acho que o melhor é não alongarem muito mais este tema afinal isto é um tópico sobre o Strava.
Tudo dito aqui de uma maneira excelente. Às vezes há pessoal que deve esquecer-se que da primeira vez que pegou numa bicicleta não começou logo a fazer médias de 30km/h para cima... Devem ter nascido assim com o ritmo já... Porque para lá chegar não é preciso praticar e treinar nem nada. Enfim
 
Tudo dito aqui de uma maneira excelente. Às vezes há pessoal que deve esquecer-se que da primeira vez que pegou numa bicicleta não começou logo a fazer médias de 30km/h para cima... Devem ter nascido assim com o ritmo já... Porque para lá chegar não é preciso praticar e treinar nem nada. Enfim
Mas é que nem precisamos de lá chegar para andar onde quisermos ou vestirmos o jersey X ou Y... Era o que mais faltava...

É um que fica revoltado com a subscrição do Strava, é outro com a roupa, andamentos ou alimentação dos outros que andam de bicicleta... O que é que se anda a passar pessoal? Calma... Façam a vossa vida e não liguem tanto aos outros. Cada um sabe de si (mas diz que há um que sabe de todos xD)!
 
Mas olha que sou programador e o que estás a dizer até é meio ofensivo!
Lá porque é "fácil" para alguém, tem que o fazer de borla? Imaginas o número de pessoas e horas que é preciso para fazer um Strava? Um Strava não são só segmentos!
Quando é que essas pessoas vão fazer isso de borla? Ao fim de semana? Vão sacrificar lazer/família para outros andarem a criar os seus segmentos à borla? Ou fazem disso um trabalho normal e vivem da família e amigos?
E depois, quando estiver feito, onde é que vão buscar o dinheiro para manter o sistema? Se calhar no início é "pouco" dinheiro... Mas uma plataforma como o Strava já deve estar a pagar milhares só para manter tudo online!
Não é só ter ali um servidor debaixo da secretária... São vários em redundância para quando um falha ou está sobrecarregado. Ou mesmo quando estão a submeter atualizações/correções!
E a quantidade absurda de dados que têm, onde é que se guarda? E, mais uma vez, em redundância também para não se perder nada com a falha/manutenção de uma base de dados...
Já alguma vez viste o Strava em baixo por alguma falha ou manutenção? Eu não... E também não é lento! E para isso é preciso uma estrutura grande e cara por detrás que o utilizador não vê!

Isto é tudo menos fácil!
Fácil é utilizar o Strava... Porque está bem feito. Porque levou com um investimento que nem imaginamos. E continua a levar!
Eu não disse de borla, disse que poderíamos pagar uma subscrição mais barata para pagar a programadores, mas seria algo sem fins lucrativos, apenas pagar aos programadores, os servidores e às pessoas responsáveis pela gestão dos servidores. E sendo open source outros se quisessem poderiam melhorar a app... Assim teríamos uma app da comunidade onde poderíamos ter controlo sobre a mesma e acesso a muitas mais opções e novidades, uma subscrição que valeria mais a pena... Mas isto é só uma ideia para mostrar que podemos pensar mais além e não temos que estar sempre dependentes de marcas e daquilo que nos impingem, não quer dizer que fosse fácil nem simples de fazer, mas o que queria dizer é que o que o Strava faz não é nada tão extraordinário que não possa ser feito de uma outra forma.
 
Eu não disse de borla, disse que poderíamos pagar uma subscrição mais barata para pagar a programadores, mas seria algo sem fins lucrativos, apenas pagar aos programadores, os servidores e às pessoas responsáveis pela gestão dos servidores. E sendo open source outros se quisessem poderiam melhorar a app... Assim teríamos uma app da comunidade onde poderíamos ter controlo sobre a mesma e acesso a muitas mais opções e novidades, uma subscrição que valeria mais a pena... Mas isto é só uma ideia para mostrar que podemos pensar mais além e não temos que estar sempre dependentes de marcas e daquilo que nos impingem, não quer dizer que fosse fácil nem simples de fazer, mas o que queria dizer é que o que o Strava faz não é nada tão extraordinário que não possa ser feito de uma outra forma.
O que o Strava faz não é nada de extraordinário que não possa ser feito de outra forma... Da mesma maneira que o Spotify, a Netflix, a Uber e tantas outras plataformas... Senão todas!
A pensar dessa maneira, até deixariamos de ir a supermercados! Para quê? Se virarmos todos agricultores conseguimos o mesmo e mais barato... E de melhor qualidade até! E depois até podemos pagar aos programadores do Strava com batatas.
 
Mas é que nem precisamos de lá chegar para andar onde quisermos ou vestirmos o jersey X ou Y... Era o que mais faltava...

É um que fica revoltado com a subscrição do Strava, é outro com a roupa, andamentos ou alimentação dos outros que andam de bicicleta... O que é que se anda a passar pessoal? Calma... Façam a vossa vida e não liguem tanto aos outros. Cada um sabe de si (mas diz que há um que sabe de todos xD)!
Eu fico chateado com a atitude do Strava porque eles beneficiam dos dados e dos segmentos criados pelos users, e de um dia para outro limitam o acesso aos users que contribuíram para a app ser o que é... O que leva a outra questão que é a que cada vez mais só quem tem possibilidades pode ter acesso a coisas melhores, apesar de o que em termos de sociedade no geral
O que o Strava faz não é nada de extraordinário que não possa ser feito de outra forma... Da mesma maneira que o Spotify, a Netflix, a Uber e tantas outras plataformas... Senão todas!
A pensar dessa maneira, até deixariamos de ir a supermercados! Para quê? Se virarmos todos agricultores conseguimos o mesmo e mais barato... E de melhor qualidade até! E depois até podemos pagar aos programadores do Strava com batatas.
Eles é que não pagaram a ninguém pelos dados e pelos segmentos... E é isso que eles vendem
 

SBRDYDY

Well-Known Member
Eu pago estou bastante satisfeito com a app, na verdade até nem sabia que pagava, fiz uma de testar a versão premiun nunca mais me lembrei de anular e agora todos os anos isso se renova.
Acho quem quer um serviço tem que o pagar, quem não paga acho que não deveria reclamar, e ficar feliz com o que é dado de graça, pois de certeza se lhe pedirem para trabalhar de graça não vão gostar também.