Spartacus - 10 mil km depois

pemartins

Well-Known Member
#65
Hoje era dia de fazer o 3° teste ao Specialized Power, eu já todo equipado, vou para pegar na bicicleta e tenho um raio partido na roda frente. O estranho é que da última vez que andei o raio estava bem, é possível que tenha partido enquanto a bicicleta esteve parada? Eu acho que foi "Power" a mais no último treino!
O mau é que vou ficar sem bicicleta para treinar alguns dias pois com tubulares colados e cabeças de raio internas não me vão arranjar a bicicleta na hora.
 

Mendas

Well-Known Member
#68
Tenho uma grande duvida relativamente a este tipo de selins, eu até à data só uso selins com medidas de125mm a 130mm, 132mm maximo, no entanto, salvo erro, nos videos colocados neste post do projecto pedal, ele diz que este tipo de selins dá para todos os tipos de ciclistas, a minha grande duvida é: porque é que este tipo de selins são tão largos, têm alguma especificidade que permitem que quem nos selins tradicionais usa até 132mm, se adapte a estes selins mais largos?
 

pemartins

Well-Known Member
#69
Amanhã vou levar a roda para colocar um raio e estive a ver o tubular. Um Continental Gatorskin 22mm com 7 anos feitos em Março e 9mil km. Ele já apresenta algum desgaste que mostro na imagem.

Na vossa opinião justifica a troca por um novo?
 

jppina

Well-Known Member
#70
Nem sei como conseguiste fazer tantos km com ele... Quando usava tubulares, os dois gatorskin traseiros que usei, em 25mm, fizeram 4975 e 4545km respetivamente. E já estava a tela à vista... Deves ser leve para fazer tantos km com ele, ainda mais um 22!

Troca isso!
 

pemartins

Well-Known Member
#71
Nem sei como conseguiste fazer tantos km com ele... Quando usava tubulares, os dois gatorskin traseiros que usei, em 25mm, fizeram 4975 e 4545km respetivamente. E já estava a tela à vista... Deves ser leve para fazer tantos km com ele, ainda mais um 22!

Troca isso!
Este estava montado a frente. O de trás fez 6mil+-, foi trocado por precaução, tinha uma pequena fissura. Agora peso 60kg mas antes pesava 65kg +-.
 

jppina

Well-Known Member
#72
Está explicado. À frente faz sempre muito mais, gastei esse 2 atrás e o da frente ainda fazia uns km, mas não muitos, esse já está também no final de vida...
 

mariosimas

Well-Known Member
#73
meus amigos tomem atenção para além se o pneu tem desgaste é como está a borracha.

se estiver ressequida perde as qualidades de aderência.

esse tubular já devia ter sido mudado há uns milhares de kms atrás
 

pemartins

Well-Known Member
#74
Quando uma pessoa não sabe pergunta... é assim que eu penso.
Hoje fui à loja para trocar o raio e pergunto ao vendedor, como está este pneu? Ele vê o pneu todo, vê o estado da borracha e depois diz, está bom, não é preciso trocar, eu respondo, mas já tem 7 anos e 9 mil km. Um vendedor, normalmente quer é vender mas este pareceu ser sincero, já conheço a loja à 11 anos, Famabike em Famalicão. Diz ele, a borracha não está ressequida, o pneu não está quadrado e o piso ainda permite fazer mais quilometros. Depois fomos ver o pneu de trás, um Tufo S33 Pro 24mm, deve ter 3mil km, o piso está bom mas já esta a ficar quadrado.
Conclusão: Os pneus vão manter-se pelo menos até ao inicio do Inverno. Os Continental valeu bem a diferença de preço.
Agora vou começar a ver pneus e ver se compro logo um par para ter de reserva. Vou colocar em 25c, o que sugerem?
 

Bruso

Well-Known Member
#77
Eu estou com 28 tubeless e com 5 bar parece que vou num sofá mesmo num modelo mais "racing".
Segundo dizem 28 até tem ganhos aerodinâmicos. ;)
Isso depende mais das rodas do que propriamente do pneu. O que ganhas com pneus a essas pressões é um pedalada mais regular em piso irregular. Sabes quando vais numa estrada cheia de buracos e queres meter power mas não consegues porque vais sempre ao saltinhos? Pneus a essa pressão eliminam esses saltinhos portanto consegues debitar mais power de uma forma mais constante.

@pemartins
Procuras tubulares certo?
 

pemartins

Well-Known Member
#79
Raio trocado e roda afinada, hoje foi dia de voltar a estrada com o selim Syncros Belcarra em teste. Foram 85 km, a primeira sensação foi logo, é muito duro. Passado alguns kms o traseiro adaptou-se mas não posso dizer que é muito confortável, sentia as laterais do selim muito vincadas na parte da frente do mesmo. Em comparação com o Specialized Power, este ficou a perder. Talvez deva ajustar 1cm para frente para voltar a testar.


 

elchocollat

Well-Known Member
#80
Lembrei-me de ti:
No meu bike fit foi-me recomendado um Specialized power.
Saí de lá com ele e hoje fiz o 1o teste.
É duro quando comparado com o meu antigo, mas senti-me muito mais confortável.

Cada cú sua sentença é certo, mas decidi vir dar aqui feedback.

Não quero pensar que foi uma compra de cabeça quente (sem testar primeiro), embora saiba que foi, mas gostei bastante.