Seguro

NULL

Well-Known Member
Ok, obrigado.



Também dava jeito, mas aqui a questão é nomeadamente o caso de queda.



Esse é exatamente o problema. Imagine ter um quadro de 5000 ou 6000 euros, vai por exemplo fazer um treino na chuva e calha a cair por uma qualquer razão que parte o quadro ao meio... não é propriamente comum, mas se acomponha o ciclismo profissional, sabe que não é impossível... e depois é dinheiro que fica a arder :/
Quando descobrires esse seguro não te esqueças de vir cá contar... eu tenho o mesmo problema! :D
 

Duke

Well-Known Member
Se fazes competição, quer seja ela amadora ou profissional o conselho é usares bicicletas a baixo do teu poder económico... toda a gente sabe que infelizmente é um desporto com bastante risco. Ainda no domingo a subir 15/20km/h apanhei gelo no chão...e nem senti nada. Desta vez não estraguei nada, mas já não me preocupo com risco aqui ou acolá. Um bom quadro, não é preciso gastar tanto dinheiro assim como um bom grupo (é material de desgaste até nem aconselhava mais que 105). Se o objetivo é o treino e queres andar de descansado deverias considerar baixar de "categoria". Porque assim nem andas descansado :/

Tenho amigo com pinarelos F11 e zipp 454 nsw, topos gama da cervelo e da trek, mas eles tem graveto para não ficarem a chorar demasiado se ficarem com um risco ou quadro partido.
tens toda a razão um ponto de vista correcto na minha forma de ver.

diria que o ideal é seguires o concelho do @jpacheco e assim dependendo dos km que fazes de x em x anos podes por exemplo vender a bike e comprar uma nova e assim andas sempre com aquela tusa extra