Primeira bicicleta - tamanho errado?

#22
Se a altura do selim foste tirar a um calculador de fit online nao confies nisso a 100%, eu tenho 81 de cavalo e o selim está a 73cm. talvez te devas preocupar mais com os ângulos

Não me parece que estejas a fazer mt esforço nos braços.....
 
#23
Para mim existe alguma coisa de errado, o guiador está numa posição esquisita para mim, com essa roupa não dá para ver grande coisa

Amanhã com calma tira novas fotos contigo em cima dela e só ela, tira numa posição o mais centrada possível, ao nível do selim

Mas tu já tinhas andado de bicicleta ou és noviço????
 

gfrmartins

Well-Known Member
#24
Se conseguires amanha ou assim tira com a roupa de treino para se conseguir ver melhor a posição mas já ajuda.

Uma questão, costumavas andar de bike de estrada ou é recente? Como é a tua flexibilidade?

Assim de repente não parece que estejas muito fora, e de todo me parece que o quadro seja pequeno para ti.

Que tamanho tem esse avanço?
 
#25
Para mim existe alguma coisa de errado, o guiador está numa posição esquisita para mim, com essa roupa não dá para ver grande coisa

Amanhã com calma tira novas fotos contigo em cima dela e só ela, tira numa posição o mais centrada possível, ao nível do selim

Mas tu já tinhas andado de bicicleta ou és noviço????
Sou mesmo noviço.
 
#26
Se conseguires amanha ou assim tira com a roupa de treino para se conseguir ver melhor a posição mas já ajuda.

Uma questão, costumavas andar de bike de estrada ou é recente? Como é a tua flexibilidade?

Assim de repente não parece que estejas muito fora, e de todo me parece que o quadro seja pequeno para ti.

Que tamanho tem esse avanço?
De estrada é a primeira vez. Tenho boa flexiblidade
 
#28
De estrada é a primeira vez. Tenho boa flexiblidade
Se de estrada é a primeira vez, depreende-se que tenhas andado de btt,
Vai a bicicleta de btt e transporta a medida da pedaleira ao selim para a de estrada e começas dai, depois ajustas todas as outras medidas
O começar dai, não quer dizer que seja essa a medida correta, mas é um principio, até porque alguns ciclistas têm a mania de andar com o selim no céu ou lá perto
 

Carolina

Well-Known Member
#29
Parece-me que consegues meter um avanço maior.

De qualquer forma, experimenta meter o selim uns mms para trás. Subir o selim também deve ajudar, mas aqui já depende se podes ir ou não com a perna mais esticada.
 
#30
Se de estrada é a primeira vez, depreende-se que tenhas andado de btt,
Vai a bicicleta de btt e transporta a medida da pedaleira ao selim para a de estrada e começas dai, depois ajustas todas as outras medidas
O começar dai, não quer dizer que seja essa a medida correta, mas é um principio, até porque alguns ciclistas têm a mania de andar com o selim no céu ou lá perto
Explique-me mal. Nem estrada nem btt
 
#31
Avanço curto... espigao mais alto, cleats mal alinhados, selim a nivel... enfim na minha opinião tudo mal... solução??? BIKEFIT!!! As mãos dormentes, é uma das primeiras causas de mau posicionamento... deixa-te de fotos em pijama e chinelos de quarto e faz um bikefit...
 
#32
Parece-me que consegues meter um avanço maior.

De qualquer forma, experimenta meter o selim uns mms para trás. Subir o selim também deve ajudar, mas aqui já depende se podes ir ou não com a perna mais esticada.
o selim está o máximo para trás. Consigo esticar mais a perna mas o tubo do selim já começa a acabar.
 

Nuno

Active Member
#33
Ja alguem disse tudo, ainda por cima se é a tua 1a bike de estrada, deixa de inventar e faz mas é um bikefit com alguem habilitado. Pode-te parecer caro mas vai-te fazer poupar chatices e dinheiro no futuro.
 
#34
.

Concordo com o bikefit como é lógico, mas o corpo também precisa de se adaptar, outra coisa bastante importante é o fortalecimento do core, ajuda bastante a suportar o peso do tronco
 
#35
Parece-me que estás bem em cima da bicicleta, talvez por nunca teres andado estás a apertar muito o guiador/manetes.
Na próxima volta dá descanso às mãos e anda com elas mais abertas e vê se ficas melhor.
 
#36
Explique-me mal. Nem estrada nem btt
Sendo assim estás f#####, no mínimo tens de juntar-te a alguém que já tenha umas luzes da coisa, isto para ficar alguma coisa de jeito e começares por algum lado, se puderes vais a alguém entendido, neste caso desejo-te sorte

Para quem nunca andou de bicicleta, vai ter sempre um período de adaptação, mesmo que a bicicleta seja feita de encomenda, as dores e os desconfortos vão estar lá durante um tempo, isso passa com as horas em cima da bicicleta
 
#37
BIKEFIT = + uma forma de transformar algo simples e muitas vezes de senso comum em Rocket Science inatingivel ao comum dos mortais. Só tu sendo conhecedor do teu corpo e das tuas sensações em cima da bicicleta conseguirás interpretar como naturais ou não. Quantos ciclistas profissionais nunca fizeram um bikefit..?? Quantos (profissionais ou não) já fizeram um bikefit e chegaram à conclusao que afinal não se adaptam ao fit proposto e vão com o "ajuste" com o qual se sentem bem?

O BIKEFIT é um modo perfeitamente válido e acredito que ajude e simplifique a vida de muita gente, mas não é essencial, pelo menos para mim que não sou fundamentalista.

Se tens dinheiro para gastar e alguma preguiça. Força. Sim Preguiça ...., porque hoje em dia está na moda fazer "outsourcing" de tudo inclusive as coisas mais básicas. Pensar e aprender porquê? Para quê?. Para comer precisas de um nutricionista, para treinar de um personal trainer, para te sentares corretamente na bike precisas de um bikefitter....the list goes on. Já se viu que consegues seguir um set de instruções. Segue as "Regras Básicas" disponíveis. No meu tempo ia à biblioteca. Agora com a internet e foruns como este, é tudo mais simples. Também existe muita "desinformação", mas raios, temos a cabeça é para pensar e aprendes a filtrar o que não interessa. O conhecimento nunca esteve tão ao alcance de cada um.

É aquela celebre frase "Dá a um homem um peixe e alimenta-lo às por um dia. Ensina-o a pescar, e alimenta-lo-as para uma vida inteira"

O @GuilhermeOliveira referiu o mais importante. Para tudo tens um periodo de adaptação e neste caso o teu corpo levará algum tempo até se adaptar, e atenção, isto acontecerá, independentemente de teres o Fit Correto ou não. Mais válido ainda se torna no teu caso uma vez que estás a iniciar-te agora na bicicleta e possivelmente mais tempo demorara aos desconfortos naturais desaparecerem por completo.

Caso tenhas respeitado e seguido estas regras básicas e passado algum tempo e os desconfortos continuem, aí sim, deverás recorrer a alguém especialista. E o passar algum tempo não são 2 ou 3 dias, pois quanto menos frequentemente utilizares a bicicleta mais tempo o teu corpo levará a se habituar. Se só utilizares por exemplo a bicicleta ao fim de semana, podem ser meses.
 
#38
BIKEFIT = + uma forma de transformar algo simples e muitas vezes de senso comum em Rocket Science inatingivel ao comum dos mortais. Só tu sendo conhecedor do teu corpo e das tuas sensações em cima da bicicleta conseguirás interpretar como naturais ou não. Quantos ciclistas profissionais nunca fizeram um bikefit..?? Quantos (profissionais ou não) já fizeram um bikefit e chegaram à conclusao que afinal não se adaptam ao fit proposto e vão com o "ajuste" com o qual se sentem bem?

O BIKEFIT é um modo perfeitamente válido e acredito que ajude e simplifique a vida de muita gente, mas não é essencial, pelo menos para mim que não sou fundamentalista.

Se tens dinheiro para gastar e alguma preguiça. Força. Sim Preguiça ...., porque hoje em dia está na moda fazer "outsourcing" de tudo inclusive as coisas mais básicas. Pensar e aprender porquê? Para quê?. Para comer precisas de um nutricionista, para treinar de um personal trainer, para te sentares corretamente na bike precisas de um bikefitter....the list goes on. Já se viu que consegues seguir um set de instruções. Segue as "Regras Básicas" disponíveis. No meu tempo ia à biblioteca. Agora com a internet e foruns como este, é tudo mais simples. Também existe muita "desinformação", mas raios, temos a cabeça é para pensar e aprendes a filtrar o que não interessa. O conhecimento nunca esteve tão ao alcance de cada um.

É aquela celebre frase "Dá a um homem um peixe e alimenta-lo às por um dia. Ensina-o a pescar, e alimenta-lo-as para uma vida inteira"

O @GuilhermeOliveira referiu o mais importante. Para tudo tens um periodo de adaptação e neste caso o teu corpo levará algum tempo até se adaptar, e atenção, isto acontecerá, independentemente de teres o Fit Correto ou não. Mais válido ainda se torna no teu caso uma vez que estás a iniciar-te agora na bicicleta e possivelmente mais tempo demorara aos desconfortos naturais desaparecerem por completo.

Caso tenhas respeitado e seguido estas regras básicas e passado algum tempo e os desconfortos continuem, aí sim, deverás recorrer a alguém especialista. E o passar algum tempo não são 2 ou 3 dias, pois quanto menos frequentemente utilizares a bicicleta mais tempo o teu corpo levará a se habituar. Se só utilizares por exemplo a bicicleta ao fim de semana, podem ser meses.
Sem querer arranjar confusões: nunca fizeste um Bikefit digno desse nome...

O argumento dos profissionais não tem sentido. Eles passam mais horas na bicicleta (e no ginásio) em 10 anos, do que os comuns mortais na vida toda. Assim conseguem ter sensibilidade para afinar posições, e mesmo não a tendo, têm um corpo preparado para aguentar muito mais agressões, se algo não estiver bem.

E continuando, que profissionais? No worldtour praticamente todas as equipas (senão mesmo todas) têm parceria com empresas de Bikefit. E até nas simples Continentais isso existe, até cá em Portugal.

Querer pegar em algo extremamente complexo como a Biomecânica, e tentar passar que é algo "que está na moda", e que qualquer um faz, é pura ignorância.

Vai a uma faculdade de desporto, vê os planos curriculares de cursos que incluam Biomecânica e Biocinética, e depois vê se ainda achas que é algo simples que alguém só quer complicar...
 
#39
Vou ignorar todas as assumçoes que fazes sobre o meu conhecimento e sobre o que fiz ou deixei de fazer, e recomendar-te a ler novamente o meu post,em que expresso a minha opiniao, com outro espírito. Traduzindo em miúdos, Raramente existe uma única solução absoluta para resolução de um problema sendo que não vale a pena colocar a carroça na frente dos bois, é esta a ideia principal. Resolveste antes interpretar como um ataque ao Bikefit. No final até o recomendo, mas nunca como primeira opção sem antes ter feito o caminho “normal”. De resto, e relativamente à monetizacao de algo que fruto da popularidade do nosso desporto nos dias de hoje se tornou mais um nicho, mantenho o que disse.
 
#40
Vou ignorar todas as assumçoes que fazes sobre o meu conhecimento e sobre o que fiz ou deixei de fazer, e recomendar-te a ler novamente o meu post,em que expresso a minha opiniao, com outro espírito. Traduzindo em miúdos, Raramente existe uma única solução absoluta para resolução de um problema sendo que não vale a pena colocar a carroça na frente dos bois, é esta a ideia principal. Resolveste antes interpretar como um ataque ao Bikefit. No final até o recomendo, mas nunca como primeira opção sem antes ter feito o caminho “normal”. De resto, e relativamente à monetizacao de algo que fruto da popularidade do nosso desporto nos dias de hoje se tornou mais um nicho, mantenho o que disse.
Na generalidade partilho da mesma opinião que tu, apenas discordo na ordem das acções que sugeres.

Eu acho que o bikefit deve sempre vir antes e nunca depois, principalmente como acontece neste caso em que a pessoa em questão (a julgar pelas suas próprias palavras e acções) aparentemente não tem noção do que está fazer, e segue na lógica da tentativa-erro pelo que vai ouvindo/lendo.

Como tu dizes e bem, na grande maioria a informação que está disponivel não é errada, o problema é sempre o contexto de cada um, o saber interpretar o que estamos a ler/ouvir/ver (que muitas vezes exije conhecimento em outras áreas) e por fim, saber aplicar, e nem todas as pessoas tem essa capacidade. Eu pensava que até teria, sustentada em parte por muitos anos que levo nisto, e cheguei á conclusão que não.

Quero com isto dizer que na minha opinião o que ele deveria fazer é fazer um bikefit completo, e quando digo completo quero dizer daqueles em que o fitter comunica com o cliente (como já foi discutido em outros tópicos), explica a que está mal no setup atual e consequentemente os efeitos de acordo com a mensagem do cliente, e depois que alterações propõe fazer, porque as faz, e os resultados que pretende atingir, de forma geral é isto.

Dessa forma, o cliente vai adquirir conhecimento, e assim sim posteriormente já em casa, vai poder introduzir alterações de uma forma mais sustentada caso tenha necessidade, seja por um lado porque melhorou a forma, baixou o peso, etc... ou ao contrário, como também pelas limitações que qualquer pessoa que já fez um bikefit percebe que existem naquelas 3/4 horas de sessão.

Existem campos em que a tua lógica não me parece descabida, inclusive sou defensor, muitas vezes pelo sentido de curiosidade que tenho de perceber como se faz, etc, mas claro que sempre sobre minha conta e risco e em ambitos que não envolvam a minha condição/integridade fisica, agora com um assunto destes? Citando um lema aplicado num contexto diferente: "Meu corpo, minhas regras.."