GFNY Portugal 2019

#41
Acho que não percebi. Não devolvem o dinheiro da inscrição mas ainda dão a jersey e uns brindes, que já seriam dados de qualquer forma. Então a inscrição só cobria o custo do jersey e dos brindes? Ao menos devolviam parcialmente o valor ou ofereciam um vale de desconto numa próxima inscrição.
A culpa do cancelamento não foi (pelo que parece) da organização mas certamente também não foi dos participantes. Logo, estes têm direito à restituição da inscrição ou, pelo menos, parte dela.
Que falta de consideração....
 

Carolina

Well-Known Member
#42
Eu também ficaria lixada se tivesse inscrita e depois cancelassem assim, mas achar que uma organização de um evento deve estar acima da proteção civil e do MAI é ridículo.

Em Alpiarça não há nada para arder. Houvesse lá zona florestal e também teria sido cancelado.

Que eles não queira devolver o €€ já é outro assunto, esse sim um sinal de desonestidade.
 

Bruso

Well-Known Member
#43
No comunicado incial eles referem que estavam à procura de nova data. Não é esse o caso?

Para quem viajou propositadamente para Lisboa não deverá ter ficado nada contente.
 

Nuno

Active Member
#45
mas achar que uma organização de um evento deve estar acima da proteção civil e do MAI é ridículo.
@Carolina nâo é estar acima do MAI, mas capacidade de influencia e loby tambem sao importantes e nisso o GFNY vale ZERO!
ou entao como eu disse acima ate lhe deu jeito. E argumentos nao lhes falavam para argumentar com o MAI. estam ca centenas de estrangeiros que vieram fazer o GFNY ao nosso pais e agora vêm que o calor esta perfeitamente dentro do normal para a época, incendios na zona dos percursos nada. O que vao ficar a pensar?
O mesmo que eu, que fomos todos aldrabados e provavelmente nao vao querer voltar a ouvir falar de Portugal nos proximo anos, tal como eu nao vou sequer voltar a referir o GFNY Portugal/Brasil que associo a um bando de impostores.
 

Tourmalet

Well-Known Member
#46
Hoje passei na Marginal por alguma malta que envergava a camisola deste embuste, outros levavam só o "saco". É triste se o final da história for mesmo o de pagar e só ter direito a isso. Protestem.
 

pratoni

Well-Known Member
#48
Será que não um único advogado entre os lesados que queira levar uma ação avante contra a organização por não devolverem o dinheiro ou pelo menos parte dele?

Ou no regulamento há alguma cláusula a prever estas situações?
 

FSilva

Moderador
Staff member
#50
@FSilva, ate pode ser verdade que o MAI lhe tenha revogado as autorizacoes para a prova, mas e entao o grande GFNY nao sabe bater o pé?
Proibem uns e autorizam outros, por exemplo o rali que ja referiram acima onde ate ardem carros e o GF de Alpiarca que vai ocorrer amanha.
Na minha opiniao ate lhes deu jeito que proibissem; alegam motivos de forca maior, cancelam o que ainda puderem e nao pagam: batedores, autoridades e NAO devolvem o dinheiro a quem se inscreveu. No fundo vendem um jersey e uma medalha que lhes custou 10 ou 15 € por 60 ou 100€. Grande negocio.
No Brasil nao sei, mas minha terra chama-se a isso filha da putice.
Por ser uma organização estrangeira podem nao ter tantos argumentos para tentar contornar as proibições. Enquanto que outros eventos que se realizam ha sempre alguem conhecido que desenrasca a coisa com uma cunha sabemos bem que é assim.
O gfny perde toda a razão é na devolução do dinheiro. Dizer no comunicado que nao devolvem porque ja foi gasto no evento é gozar com a malta mas enfim.
 
#54
Uma coisa que me faz confusão:
O Paulo Martins fez publicidade àquilo como se fosse a melhor coisa do mundo... Diz além disso que o evento terminou numa foto no instagram...
Ele estava na organização?
Penso que podiam ter ali um aliado para vos "defender"
 

FSilva

Moderador
Staff member
#55
Uma coisa que me faz confusão:
O Paulo Martins fez publicidade àquilo como se fosse a melhor coisa do mundo... Diz além disso que o evento terminou numa foto no instagram...
Ele estava na organização?
Penso que podiam ter ali um aliado para vos "defender"
Ele era embaixador teve tudo a borla, achas que ia criticar alguma coisa?
Mesmo que estivesse desagradado não o ia dizer, talvez para o ano já não venha a aceitar dar a cara por aquela organização
 
#56
Ele era embaixador teve tudo a borla, achas que ia criticar alguma coisa?
Mesmo que estivesse desagradado não o ia dizer, talvez para o ano já não venha a aceitar dar a cara por aquela organização
Então vi bem.
Eu não tinha certeza se tinha visto bem o nome dele, e não me alonguei...
Assim sendo está explicado a publicidade toda e os louros todos...
Aliás, no instagram dele está tudo bonito e diz inclusive que o evento terminou, e sempre com a jersey...
 

Tourmalet

Well-Known Member
#57
Teve tudo de borla e ainda deve ter ganho qualquer coisa, porque nas voltinhas de reconhecimento ele andava por lá a dar a cara, agora ele só está a fazer o seu papel, foi pago e recebeu, por isso percebe-se que não seja sensato morder na mão que lhe deu de comer, mesmo que não concorde.
 
#59
Compreendo... Bom, deixemos o homem de lado.
Foi uma burla total, e no regulamento está explícito que a organização não devolvemm o dinheiro.
Espero honestamente que isto evolua ao ponto de se provar que é fraude e que todos os inscritos sejam reembolsados!
 
#60
Compreendo... Bom, deixemos o homem de lado.
Foi uma burla total, e no regulamento está explícito que a organização não devolvemm o dinheiro.
Espero honestamente que isto evolua ao ponto de se provar que é fraude e que todos os inscritos sejam reembolsados!
Passei os olhos no regulamento e não encontrei essa passagem que refere que não fazem devoluções e caso a prova fosse cancelada.