5.ª Etapa da Volta RTP - Viseu - 10 Ago. 2011

Status
Not open for further replies.
#63
Há uns dias atrás referi a hipótese de juntar elementos deste fórum (que irão estar presentes na "Etapa da Volta 2011") para um almoço em Viseu no dia 10. Se alguém estiver interessado que se acuse...
 
#65
@Delamadera
Eu até gostava, mas tenho de ir a correr para uma festa de anos, para a qual já irei bastante atrasado...

Mas para o pessoal se conhecer podíamos combinar uma hora e um local exacto para nos reunirmos antes da partida.
 
#68
Um jersey azul turqueza referente ao Memorial Bruno Neves de há dois anos pode ser o meu. Amanhã prevê-se um calorão daqueles e este jersey abre até abaixo, daí ser o meu escolhido. Nas costas levo o nº 60. O almoço com o pessoal é que é mais complicado porque só agora vi a sugestão e há outros planos.
 
#70
Rescaldo da etapa

Boa tarde,

Está feita a coisa, correu bem fora um ou outro tombo de camaradas de luta(o estoirar de pneu do Cândido Barbosa a descer de Silvares para Paranho de Besteiros a uns 40 km/h assustou, mas só deu uns arranhões).
A subida foi isto (dorsal 194):
http://app.strava.com/segments/709142
A quem tenha Garmin façam upload para o Strava, é grátis e dá uns dados engraçados.
Depois da descida decidi vir para casa (sou da zona), um pelotão de centenas de pessoas é uma coisa que me gera algum stress.
Abraço a todos os participantes

P.S: Classificações
http://www.volta-portugal.com/images/volta/Files/classificacaoetapadavolta2011.pdf
 
#71
Pois... está feito!... Foi durinho, aquela parede inicial obrigou muito boa gente a pôr o pézinho no chão, o calor também ajudou a dificultar a tarefa da rapaziada e o saldo foi um empeno jeitoso... Pessoalmente, um 316º lugar satisfaz-me plenamente, ainda bem que as cãimbras esperaram pela parte final do passeio, tive a satisfação de reconhecer e cumprimentar o Tata Comuna, graças à dica do Che Guevara e de conhecer o Luis Figueiredo que teve a perspicácia de me descobrir no meio daquelas centenas de pedaladores e a gentileza de me falar. Num caso e noutro as circunstâncias não permitiram um convívio mais do que fugaz, mas há impressões que não enganam, um e outro são, como dizia o malogrado Wilson Brasil, gente do alto, companheiros que valem a pena. Bem hajam e até qualquer dia de novo numa estrada qualquer do nosso gosto pelas duas rodas.
 
#72
Amigo osicran,

Tive muito prazer em partilhar consigo os ultimos 25km de "empeno", tenho pena de não ter ficado por mais tempo mas tinha a familia á espera para almoço e ainda fiz 300km de carro de regresso a casa...

Tenho umas fotos e videos porreiros da jornada de hoje, mas já só devo conseguir colocar os mesmos amanhã, assim que tiver os mesmos prontos abro um novo tópico de rescaldo!

Abraço e até para o ano!
 
#73
pois foi osicran a dica do Che deu jeito, eu fiquei entre os 100 primeiros como queria mas exactamente no 100º Lugar, dps do inicio da subida dura, o resto da subida fiz smp a média muito boa. Agora tenho de falar do que aconteceu antes e depois, antes o pipo da roda de traz partiu.se foi ao apoio e trocaram a a camara de ar, mas me avisaram logo que o meu pneu estava nas ultimas, eu também já sabia. dps na descida do caramulo voltei a furar, trocaram a roda, no final arranjei a camara de ar com um rapaz da zona de cadaval que subiu cmg e me encontrou no final porque não tinha ficado na classificação geral, e depois voltei a econtrar o Delamadera, que já o tinha encontrado no cimo do caramulo, que encontro graças ao Che, além disso no cimo do caramulo encontrei outra pessoa que adora o Che, mas voltado a parte da roda o Delamadera arranjou um pneu, porque o meu pneu ainda podia aguentar mais uns km mas podia voltar a furar e ainda tinha de fazer mais 20 km até Nelas, sai de viseu ás 14:30 e as 15:30 estava em Nelas, deu tempo para td o meu comboio era as 16 e pouco, surpresa das surpresas quando estou no comboio reparo que o pneu de tras estava novamente furado a sorte é que já nao precisava de andar mais km.
 
#74
Boas,
Pois como já foi dito, para além do "paredão" de S. Tiago de Besteiros, do subir ao Caramulo, continuar a subir mesmo depois da localidade do Caramulo, o sobe e desce quase constante, tivemos ainda um tempo quentíssimo!
Pessoalmente, fiz a etapa toda (antes e depois da classificação) no meu andamento mais conveniente, o que não evitou que chegasse ao fim com 2 furos, um em cada perna.
A prepósito de furos, nunca tinha visto tanta gente a encostada à berma com furos, principalmente na descida do Caramulo.
Figueiredo, não o voltei a ver porque quando cheguei ao carro, tinha o Alfredo com uma garrafa de àgua na mão à minha espera. Foi passar a cara por água, meter as bikes no carro e arrancar de seguida. Fomos almoçar ao pé do Sátão, passámos pela minha aldeia,bebemos uma bejeca em casa do meu irmão, passámos por Trancoso (visitar a minha mãe) e seguimos para Lisboa, onde chegámos por volta das 20H00.
 
#75
Eu também fui um dos azarados dos furos, tive 2 depois do Caramulo, um logo na descida, que rapidamente mudei a câmara de depois outra nos últimos 25/30 kms, aí é que já foi pior, já não havia câmara nem rede no telemóvel, até que um alma caridosa me "emprestou" uma e lá pude seguir até ao final... mas sem antes de ser atacado por cãibras de uma maneira que nunca tinha experienciado...

Se foi alguém aqui do forum que me emprestou a câmara que se acuse, para ao menos agradecer!

Em relação à roda livre, entrei junto com o Delamadera na mesma e a minha classificação final foi um bom 353 lugar...
 
#76
Eu dei uma camara a alguem... não sei se foi a ti!!!
A situação foi esta, eu ia a pedalar e ouço atras de mim - "alguem tem uma camara" (eram duas pessoas), parei e cedi a minha unica camara... felizmente não me fez falta!
O meu espirito é este, ajudar sempre que posso... infelizmente não é o caso de muita gente que anda na estrada, principalmente pessoas com responsabilidade de representar associações de ciclismo!
Mas essa é uma historia que irei contar mais à frente!!!
 
#77
@desmo13
Isso foi onde? Foi antes de chegar a Igarei, na súbida? Foi um colega meu que me estava a acompanhar que foi buscar a câmara um metros mais à frente... Depois quando começamos a rolar novamente ainda lhe perguntei quem era, mas ele diz que não fixou...
 
#78
Também reparei na quantidade anormal de furos na descida e achei estranho porque os pisos até nem eram nada de tão maus assim. Às vezes reparo que há pessoal que roda com os pneus a precisar de levar mais umas boas bombadas e pneus mal cheios são mais propícios aos furos. Estará aí uma explicação?!...
Também tirei algumas fotos com a (falta de) qualidade possível, mais logo vou tentar lembrar-me de como se expõe aqui o material.
 
#79
Atenção Tata Comuna! No site da Volta (Etapa da Volta) estás na primeira foto, ali mesmo bem no centro em grande evidência. Agora só espero que contes aqui à malta quanto é que pagaste à Organização... lol lol lol
 
#80
Boas

Foi a minha estreia numa etapa como a q fiz, e sinceramente ficou muito abaixo das espectativas que tinha. Não fui com qualquer motivação a não ser aquela q tds tem, em fazer km nma bicicleta... nao tinha qualquer noção de como seria o desenrolar da etapa.
O q me dxa apreensivo é qdo chegamos aquela parede(inicio da subida) e se tem noção do nº de participantes e das mais variadas idades dos elementos que compunham o pelotão.... sinceramente nao compreendo.
Nao vejo qual é a piada de deixarem mais de metade do pessoal apeado na subida! ainda se fosse como a q se faz para caramulo ainda é completamente ciclavel.
Muito sinceramente nao comprreendo pq no final da subida(Caramulo) nao deram abastecimento individual, poupavam q pessoal perdesse tempo em filas e mtos nem conseguissem uma garrafa de agua.
É lamentavel que pelo preço da inscrição o atendimento no caramulo fosse tão fraco.
O meu agradecimento ao carro medico( medica/enfermeira no meu caso) q fez o favor de me dar uma garrafa agua pq nao consegui no caramulo uma gota q fosse.
Fico triste com q apenas pensem no lucro pq com preço q paguei não vi qualquer recompensa...

Abraço
 
Status
Not open for further replies.