Volta ao Algarve 2009

#1
1ª etapa: Albufeira - Olhão, 173.6 km


Heinrich Haussler (Cervélo Test Team) venceu hoje a primeira etapa da Volta ao Algarve e é o primeiro camisola amarela da Algarvia.



O corredor alemão da Cervelo Test Team surpreendeu toda a concorrência no sprint final em pelotão compacto perante uma verdadeira multidão de adeptos que não só se deslocou a Olhão para assistir à chegada, como também acompanhou ao longo do percurso este verdadeiro pelotão de estrelas que compõe a 35ª edição da Volta ao Algarve.

Bruno Lima (Madeinox-Boavista) foi o melhor corredor português do dia, terminando a etapa inaugural de 173,6 quilómetros, que ligou Albufeira a Olhão, na 8ª posição.

Não foi preciso esperar muito para que a fuga do dia se consolidasse. Decorridos apenas 5 quilómetros e já estava formada a fuga do dia - Thomas Berkhout (Rabobank), Hélder Oliveira (Barbot-Siper), Sérgio Sousa (Madeinox-Boavista), Wiliam Frischkorn (Garmin-Slipstream), Pedro Lopes (CC Loulé-Louletano-Aquashow) e Matheus Pronk (Vacansoleil). Um grupo de 6 elementos cuja vantagem sobre o pelotão chegou aos 8 minutos.

Sérgio Sousa e Pedro Lopes foram os homens que discutiram as metas volantes, o corredor da Madeinox-Boavista passou em primeiro em São Bartolomeu de Messines e segundo em Loulé, onde Pedro Lopes (CC Loulé-Louletano-Aquasho) passou na frente.

Na discussão da Montanha, Wiliam Frischkorn (Garmin-Slipstream) venceu a primeira contagem do dia na Picota e passou em segundo no Barranco do Velho onde Hélder Oliveira (Barbot-Siper) foi mais forte. Como Hélder Oliveira passou em 2º na contagem da Picota, regista-se um empate entre estes dois corredores sendo o Norte-americano o portador da camisola da Montanha por ocupar o melhor lugar na classificação geral.

Após as metas parciais e com o aproximar do final da etapa o pelotão aumentou o ritmo, acabando por absorver Pedro Lopes e Thomas Berkhout, os últimos resistentes da fuga, já nos 10 quilómetros finais, altura em que as equipas dos sprinters tomaram conta das operações na cabeça do pelotão até à chegada onde Heinrich Haussler (Cervélo Test Team) bateu Dennis van Winden (Rabobank) e Koldo Fernández (Euskaltel-Euskadi).

A classificação colectiva é liderada pela Team Columbia-High Road, Heinrich Haussler para alem da geral individual, lidera também a classificação por pontos e a juventude; Wiliam Frischkorn (Garmin-Slipstream) lidera a classificação da montanha e Sérgio Sousa (Madeinox Boavista) as metas volantes.


Classificação

1º Heinrich Haussler (Cervelo), 4h31m43s
2º Dennis Van Winden (Rabobank), mt
3º Koldo Fernandez (Euskaltel), mt
4º Hans Dekkers (Garmin), mt
5º Alexandre Blain (Cofidis), mt
6º Bernhard Eisel (Columbia), mt
7º Wouter Weylandt (Quick-Step), mt
8º Bruno Lima (Madeinox-Boavista), mt
9º Peter Wrolich (Milram), mt
10º Wouter Mol (Vacansoleil), mt
11º Yoann Ofredo (Française des Jeux), mt
12º Martin Garrido (Palmeiras Resort-Prio-Tavira), mt
13º Marcel Sieberg (Columbia), mt
14º Benny De Schooder (An Post -Sean Kelly Team), mt
15º Michael Van Stayen (Rabobank), mt


Geral individual, após a 1ª Etapa

1º Heinrich Haussler (Cervelo), 4h31m33s
2º Dennis Van Winden (Rabobank), a 4s
3º Sérgio Sousa (Madeinox-Boavista), a 5s
4º Koldo Fernandez (Euskaltel), a 6s
5º Pedro Lopes (CC Loulé-Louletano-Aquashow), a 7s
6º Wiliam Frischkorn (Garmin), a 8s
7º Hélder Oliveira (Barbot-Siper), mt
8º Hans Dekkers (Garmin), a 10s
10º Bernhard Eisel (Columbia), mt
11º Wouter Weylandt (Quick-Step), mt
12º Bruno Lima (Madeinox-Boavista), mt
13º Peter Wrolich (Milram), mt
14º Wouter Mol (Vacansoleil), mt
15º Yoann Ofredo (Française des Jeux), mt​




Fonte: Cycloweb.
 
Last edited:
#2
2ªEtapa Lagoa - Lagos, 182.4km



Koldo Fernandez foi o mais rápido na etapa de hoje da Volta ao Algarve e passou a liderar a geral individual.

O ciclista basco da Euskaltel aproveitou da melhor forma a inclinação dos 200 metros finais da etapa de hoje, a segunda, para lançar um forte ataque, batendo Manuel Cardoso (Liberty Seguros) e Gerald Ciolek (Milram), 2º e 3º na etapa.

O percurso de 185,5 quilómetros que ligou Lagoa a Lagos voltou a ter uma fuga de 4 elementos formada por Martyn Maaskant (Garmin-Slipstream), Hervé Duclos Lassale (Cofidis), Pedro Lopes (CC Loulé-Louletano-Aquashow) e Preben van Kecke (Topsport Vlaanderen-Mercator) que mais tarde passou a 6 com a junção de Sérgio Sousa (Madeinox-Boavista) e Celestino Pinho (Fercase-Paredes Rota dos Móveis) apartir do quilometro 30, altura em que foi atingida a maior vantagem da fuga para o pelotão (7 minutos e 30 segundos).

Enquanto Pedro Lopes e Sérgio Sousa discutiam entre si as metas volantes, hoje com a intromissão do francês Hervé Duclos-Lassalle (Cofidis, Le Credit En Ligne), Celestino Pinho (Fercase) venceu duas das 3 contagens de montanha de 3ª categoria do dia e chegou à liderança da classificação da montanha.

Após a meta volante de Vila Do Bispo, ao quilómetro 157,5 o grupo da frente baixou o ritmo e o no pelotão começou o trabalho das equipas dos sprinters e a absorção dos fugitivos pelo pelotão aconteceu.

No Sprint final Koldo Fernadez (Euskaltel Euskadi) foi o mais rápido, surpreendendo Manuel Cardoso (Liberty Seguros) e Gerald Ciolek (Team Milram).

Koldo Fernández lidera a geral individual e a classificação por pontos, Celestino Pinho é o líder da classificação da montanha e Sérgio Sousa, o melhor português na geral, lidera as metas volantes. Por equipas, comanda a Team Columbia-High Road.

Classificação​

1 Koldo Fernandez (Spa) Euskaltel - Euskadi 4.56.54
2 Manuel Cardoso (Por) Liberty Seguros
3 Gerald Ciolek (Ger) Team Milram
4 Robbie McEwen (Aus) Team Katusha
5 Heinrich Haussler (Ger) Cervelo Test Team
6 Philippe Gilbert (Bel) Silence-Lotto
7 Dennis Van Winden (Ned) Rabobank Continental
8 Wouter Weylandt (Bel) Quick Step
9 Vicente Reynes (Spa) Team Columbia - Highroad
10 Gianni Meersman (Bel) Française Des Jeux
11 Kristof Goddaert (Bel) Topsport Vlaanderen - Mercator
12 Sylvain Chavanel (Fra) Quick Step
13 Pedro Soeiro (Por) C. C. Loulé- Louleta
14 Greg Van Avermaet (Bel) Silence-Lotto
15 Mauro Santambrogio (Ita) Lampre - N.G.C.
16 Sergey Lagutin (Uzb) Vacansoleil Pro Cycling Team
17 Manuele Mori (Ita) Lampre - N.G.C.
18 Alejandro Marque (Spa) Palmeiras Resort / Tavira
19 Tony Martin (Ger) Team Columbia - Highroad
20 Dries Devenyns (Bel) Quick Step
21 David Millar (GBr) Garmin - Slipstream
22 David Blanco (Spa) Palmeiras Resort / Tavira
23 Gert Dockx (Bel) Team Columbia - Highroad
24 Nelson Vitorino (Por) Palmeiras Resort / Tavira
25 Bert Grabsch (Ger) Team Columbia - Highroad
26 Maarten Neyens (Bel) Topsport Vlaanderen - Mercator
27 Roy Sentjens (Bel) Silence-Lotto
28 Martin Garrido (Arg) Palmeiras Resort / Tavira
29 Steven Kruijswijk (Ned) Rabobank Continental
30 Ruben Perez (Spa) Euskaltel - Euskadi


Geral Individual após a 2ª Etapa

1 Koldo Fernandez (Spa) Euskaltel - Euskadi 9.28.23
2 Heinrich Haussler (Ger) Cervelo Test Team 0.04
3 Sergio Sousa (Por) Madeinox Boavista 0.07
4 Dennis Van Winden (Ned) Rabobank Continental 0.08
5 Manuel Cardoso (Por) Liberty Seguros
6 Hervé Duclos-Lassalle (Fra) Cofidis, Le Credit En Ligne
7 Pedro Lopes (Por) C. C. Loulé- Louleta 0.09
8 Gerald Ciolek (Ger) Team Milram 0.10
9 Helder Oliveira (Por) Barbot - Siper 0.12
10 William Frischkorn (USA) Garmin - Slipstream
11 Preben Van Hecke (Bel) Topsport Vlaanderen - Mercator
12 Wouter Weylandt (Bel) Quick Step 0.14
13 Robbie McEwen (Aus) Team Katusha
14 Sylvain Chavanel (Fra) Quick Step
15 Kristof Goddaert (Bel) Topsport Vlaanderen - Mercator
16 Martin Garrido (Arg) Palmeiras Resort / Tavira
17 Bert Grabsch (Ger) Team Columbia - Highroad
18 Yoann Offredo (Fra) Française Des Jeux
19 Constantino Zaballa (Spa) Paredes Rota Dos Moveis
20 Michael Van Stayen (Bel) Rabobank Continental
21 Roy Sentjens (Bel) Silence-Lotto
22 Alejandro Marque (Spa) Palmeiras Resort / Tavira
23 Gert Dockx (Bel) Team Columbia - Highroad
24 Pedro Soeiro (Por) C. C. Loulé- Louleta
25 Mauro Santambrogio (Ita) Lampre - N.G.C.
26 Tony Martin (Ger) Team Columbia - Highroad
27 Philippe Gilbert (Bel) Silence-Lotto
28 César Quiterio (Por) C. C. Loulé- Louleta
29 Roger Hammond (GBr) Cervelo Test Team
30 Bruno Lima (Por) Madeinox Boavista

Pontos

1 Koldo Fernandez (Spa) Euskaltel - Euskadi 41 pts
2 Heinrich Haussler (Ger) Cervelo Test Team 35
3 Dennis Van Winden (Ned) Rabobank Continental 26

Metas Volantes

1 Sérgio Sousa (Por) Madeinox Boavista 7 pts
2 Hervé Duclos-Lassalle (Fra) Cofidis, Le Credit En Ligne 6
3 Pedro Lopes (Por) C. C. Loulé- Louleta 5

Montanha

1 Celestino Pinho (Por) Paredes Rota Dos Moveis 13 pts
2 Martijn Maaskant (Ned) Garmin - Slipstream 11
3 Helder Oliveira (Por) Barbot - Siper 8

Juventude

1 Heinrich Haussler (Ger) Cervelo Test Team
2 Dennis Van Winden (Ned) Rabobank Continental
3 Gerald Ciolek (Ger) Team Milram

Melhor português

1 Sérgio Sousa (Por) Madeinox Boavista
2 Manuel Cardoso (Por) Liberty Seguros
3 Pedro Lopes (Por) C. C. Loulé- Louleta
4 Helder Oliveira (Por) Barbot - Siper
5 Pedro Soeiro (Por) C. C. Loulé- Louleta
6 César Quiterio (Por) C. C. Loulé- Louleta
7 Bruno Lima (Por) Madeinox Boavista
8 Samuel Coelho (Por) Barbot - Siper
9 Samuel Caldeira (Por) Palmeiras Resort / Tavira
10 Nuno Marta (Por) C. C. Loulé- Louleta
11 Nelson Rocha (Por) Madeinox Boavista

Equipas

1 Team Columbia - High Road 28.25.51
2 Quick Step
3 Cervelo Test Team
4 Silence-Lotto
5 Rabobank
6 Palmeiras Resort / Tavira
7 Garmin - Slipstream
8 Euskaltel - Euskadi
9 Cofidis, Le Credit en Ligne
10 Vacansoleil Pro Cycling Team
11 Team Milram
12 Liberty Seguros
13 Centro Cilismo de Loule - Louletano
14 Topsport Vlaanderen - Mercator
15 Team Katusha
16 Lampre - N.G.C
17 Barbot - Siper
18 Française des Jeux
19 Madeinox Boavista
20 An Post - Sean Kelly Team
21 Astana
22 Paredes Rota dos Moveis​


Fonte: Cycloweb
 
Last edited:
#8
3º Etapa V. R. SAN. ANTONIO - MALHAO (LOULE)



Toni Colom (Team Katusha) vence no Malhão e veste amarela

Antonio Colom (Katusha) é o novo camisola amarela da Volta ao Algarve, depois de ter ganho hoje a terceira etapa da competição, que terminou no alto de Malhão, uma contagem de montanha de segunda categoria. Colom saiu do pelotão já no último quilómetro, respondendo a um ataque do compatriota Alberto Contador (Astana). Os dois ciclistas seguiram sozinhos para a meta, tendo Colom sido mais rápido do que o companheiro de equipa de Sérgio Paulinho. O vencedor da tirada cumpriu os 175 quilómetros da etapa, que começou em Vila Real de Santo António, em 4h35m42s, à média de 38,085 km/h.

Sabia-se que a ligação de hoje não seria suficiente para encontrar o vencedor da Volta ao Algarve. No entanto, o carrossel dos últimos 50 quilómetros e, sobretudo, os derradeiros 2,7 quilómetros da jornada impunham respeito. Sabendo que uma boa gestão do esforço era essencial para ter forças suficientes para atacar a escalada ao Malhão, as equipas portuguesas resguardaram-se, abdicando de tomar parte na fuga do dia.

Neste cenário, foram seis os ciclistas que deixaram para trás o pelotão ao quilómetro 22, todos eles estrangeiros. Sébastien Rosseler, Philippe Gilbert (Silence-Lotto), Iñaki Isasi, Sébastien Chavanel (Française des Jeux), Mauro Santambrogio (Lampre-NGC) e Wouter Mol (Vacansoleil) foram os heróis do dia.

Já na fase mais dura da etapa, Gilbert deixou os colegas de escapada e tentou ir em solitário para a meta. No pelotão, a Astana liderava desde o começo e demonstrava ter aspirações para esta corrida. O esforço de Sérgio Paulinho e companheiros manteve os fugitivos sempre não muito longe, reduzindo a iniciativa de Philippe Gilbert um ensaio sem grandes possibilidades de lutar pelo triunfo. A pouco menos de 25 quilómetros da chegada, a Astana acabou com a fuga e o pelotão rolou compacto até à entrada do Malhão.

Quando os ciclistas alcançaram as primeiras rampas, dois homens trataram de fugir aos demais: Andreas Klöden (Astana) e Sylvain Chavanel (Quick Step). Klöden ainda resistiu na frente, mas Chavanel seria absorvido. Foi então que a grande estrela da corrida, Alberto Contador, resolveu fazer das suas e saiu do grupo dos eleitos, rapidamente passando por Andreas Klöden. Antonio Colom, ainda a atravessar o excelente momento que lhe deu a vitória no Challenge de Maiorca, foi no encalço de Contador e soube esperar pela ponta final, na qual aplicou uma velocidade superior à do madrileno e ganhou.

A chegada da montanha à corrida coincidiu com o aparecimento em bom plano das equipas e dos ciclistas portugueses. Rubén Plaza (Liberty Seguros) cortou o risco na terceira posição, apenas a 6 segundos do duo da frente. Bruno Pires (Barbot-SIper) foi quarto, gastando mais dez segundos do que o vencedor e ganhando dois segundos ao quinto colocado, Tiago Machado (Madeinox-Boavista).

Por equipas lidera a Palmeiras Resort-Prio-Tavira, com uma margem de 55 segudos de vantagem sobre a Euskaltel-Euskadi e de 1m05s sobre a terceira formação, a Madeinox-Boavista. Nas metas volantes, Sérgio Sousa (Madeinox-Boavista) continua na frente. Koldo Fernández (Euskaltel-Euskadi) perdeu a camisola amarela, mas mantém a azul, dos pontos. Na montanha, há novo líder, Mauro Santambrogio (Lampre-NGC).
 
Last edited:
#9
CLASSIFICAÇAO INDIVIDUAL DA ETAPA

1º 107 COLOM, Toni ESP TEAM KATUSHA 4:35:42 10"
2º 11 CONTADOR, Alberto ESP ASTANA mt. 6"
3º 165 PLAZA, Ruben ESP LIBERTY SEGUROS a 06 4"
4º 175 PIRES, Bruno POR BARBOT-SIPER a 10
5º 151 MACHADO, Tiago POR MADEINOX- BOAVISTA a 12
6º 132 GERRANS, Simon AUS CERVELO TEST TEAM a 17
7º 181 BLANCO, David ESP PALMEIRAS RESORT--TA a 17
8º 183 VITORINO, Nelson POR PALMEIRAS RESORT--TA a 17
9º 61 CUNEGO, Damiano ITA LAMPRE - N.G.C. a 17
10º 126 LAGUTIN, Sergey UZB VACANSOLEIL PRO CYCL a 22
11º 4 DEVENYNS, Dries BEL QUICK STEP a 22
12º 32 VERDUGO, Gorka ESP EUSKALTEL-EUSKADI a 22
13º 173 BERNABEU, David ESP BARBOT-SIPER a 27
14º 2 CHAVANEL, Sylvain FRA QUICK STEP a 27
15º 12 KLÖDEN, Andreas GER ASTANA a 27
16º 93 FOTHEN, Markus GER TEAM MILRAM a 27
17º 186 MARQUE, Alejandro ESP PALMEIRAS RESORT--TA a 27
18º 47 MEERSMAN, Gianni BEL FRANCAISE DES JEUX a 39
19º 55 PATE, Danny USA GARMIN - SLIPSTREAM a 39
20º 85 MONFORT, Maxime BEL T. COLUMBIA-HIGH ROA a 39
21º 136 HAUSSLER, Heinrich GER CERVELO TEST TEAM a 45
22º 58 MILLAR, David GBR GARMIN - SLIPSTREAM a 47
23º 156 PEREZ, Santiago ESP MADEINOX- BOAVISTA a 47
24º 35 MARTINEZ, Egoi ESP EUSKALTEL-EUSKADI a 47
25º 162 NOZAL, Carlos ESP LIBERTY SEGUROS a 47
26º 33 IRIZAR, Markel ESP EUSKALTEL-EUSKADI a 47
27º 87 MARTIN, Tony GER T. COLUMBIA-HIGH ROA a 47
28º 116 VANDEWALLE, Kristof BEL TOPSPORT VLAANDEREN a 01:03
29º 26 SCHEIRLINCKX, Staf BEL SILENCE-LOTTO a 01:07
30º 155 PETROV, Danail BUL MADEINOX- BOAVISTA a 01:07


GERAL INDIVIDUAL

1º 107 COLOM, Toni ESP TEAM KATUSHA 14:04:09
2º 11 CONTADOR, Alberto ESP ASTANA a 04
3º 165 PLAZA, Ruben ESP LIBERTY SEGUROS a 12
4º 175 PIRES, Bruno POR BARBOT-SIPER a 20
5º 151 MACHADO, Tiago POR MADEINOX- BOAVISTA a 22
6º 183 VITORINO, Nelson POR PALMEIRAS RESORT--TA a 27
7º 132 GERRANS, Simon AUS CERVELO TEST TEAM a 27
8º 181 BLANCO, David ESP PALMEIRAS RESORT--TA a 27
9º 61 CUNEGO, Damiano ITA LAMPRE - N.G.C. a 27
10º 126 LAGUTIN, Sergey UZB VACANSOLEIL PRO CYCL a 32
11º 4 DEVENYNS, Dries BEL QUICK STEP a 32
12º 32 VERDUGO, Gorka ESP EUSKALTEL-EUSKADI a 32
13º 2 CHAVANEL, Sylvain FRA QUICK STEP a 37
14º 186 MARQUE, Alejandro ESP PALMEIRAS RESORT--TA a 37
15º 93 FOTHEN, Markus GER TEAM MILRAM a 37
16º 173 BERNABEU, David ESP BARBOT-SIPER a 37
17º 12 KLÖDEN, Andreas GER ASTANA a 37
18º 136 HAUSSLER, Heinrich GER CERVELO TEST TEAM a 45
19º 85 MONFORT, Maxime BEL T. COLUMBIA-HIGH ROA a 49
20º 47 MEERSMAN, Gianni BEL FRANCAISE DES JEUX a 49
21º 55 PATE, Danny USA GARMIN - SLIPSTREAM a 49
22º 87 MARTIN, Tony GER T. COLUMBIA-HIGH ROA a 57
23º 35 MARTINEZ, Egoi ESP EUSKALTEL-EUSKADI a 57
24º 162 NOZAL, Carlos ESP LIBERTY SEGUROS a 57
25º 33 IRIZAR, Markel ESP EUSKALTEL-EUSKADI a 57
26º 58 MILLAR, David GBR GARMIN - SLIPSTREAM a 57
27º 156 PEREZ, Santiago ESP MADEINOX- BOAVISTA a 57
28º 116 VANDEWALLE, Kristof BEL TOPSPORT VLAANDEREN a 01:13
29º 217 DE SCHROODER, Benny BEL AN POST-SEAN KELLY T a 01:17
30º 26 SCHEIRLINCKX, Staf BEL SILENCE-LOTTO a 01:17


GERAL POR PONTOS

1º 31 FERNANDEZ, Koldo ESP EUSKALTEL-EUSKADI 41 P.
2º 136 HAUSSLER, Heinrich GER CERVELO TEST TEAM 35 P.
3º 208 VAN WINDEN, Dennis NED RABOBANK 26 P.
4º 107 COLOM, Toni ESP TEAM KATUSHA 25 P.
5º 11 CONTADOR, Alberto ESP ASTANA 20 P.

GERAL MONTANHA

1º 67 SANTAMBROGIO, Mauro ITA LAMPRE - N.G.C. 16 P.
2º 21 GILBERT, Philippe BEL SILENCE-LOTTO 16 P.
3º 195 PINHO, Celestino POR PAREDES ROTA DOS MOV 13 P.
4º 57 MAASKANT, Martyn NED GARMIN - SLIPSTREAM 11 P.
5º 107 COLOM, Toni ESP TEAM KATUSHA 9 P.
6º 178 OLIVEIRA, Helder POR BARBOT-SIPER 8 P.
7º 56 FRISCHKORN, Willian USA GARMIN - SLIPSTREAM 8 P.
8º 11 CONTADOR, Alberto ESP ASTANA 7 P.
9º 165 PLAZA, Ruben ESP LIBERTY SEGUROS 5 P.
10º 175 PIRES, Bruno POR BARBOT-SIPER 3 P.
11º 73 DUCLOS-LASSAL, Hervé FRA COFIDIS, CREDIT EN L 3 P.

GERAL METAS VOLANTES

1º 153 SOUSA, Sergio POR MADEINOX- BOAVISTA 7 P.
2º 73 DUCLOS-LASSAL, Hervé FRA COFIDIS, CREDIT EN L 6 P.
3º 145 LOPES, Pedro POR C. C. LOULÉ- LOULETA 5 P.
4º 34 ISASI, Inaki ESP EUSKALTEL-EUSKADI 3 P.
5º 117 VAN HECKE, Preben BEL TOPSPORT VLAANDEREN 2 P.
6º 205 KRUIJSWIJK, Steven NED RABOBANK 2 P.
7º 56 FRISCHKORN, Willian USA GARMIN - SLIPSTREAM 2 P.
8º 21 GILBERT, Philippe BEL SILENCE-LOTTO 2 P.
9º 178 OLIVEIRA, Helder POR BARBOT-SIPER 2 P.
10º 124 MOL, Wouter NED VACANSOLEIL PRO CYCL 1 P.

MELHOR JOVEM

1º 151 MACHADO, Tiago POR MADEINOX- BOAVISTA
2º 136 HAUSSLER, Heinrich GER CERVELO TEST TEAM
3º 47 MEERSMAN, Gianni BEL FRANCAISE DES JEUX
4º 87 MARTIN, Tony GER T. COLUMBIA-HIGH ROA
5º 116 VANDEWALLE, Kristof BEL TOPSPORT VLAANDEREN
6º 22 VAN AVERMAET, Greg BEL SILENCE-LOTTO
7º 204 KREDER, Michel NED RABOBANK
8º 97 TERPSTRA, Niki NED TEAM MILRAM
9º 218 VAN VOOREN, Steven BEL AN POST-SEAN KELLY T
10º 63 GAVAZZI, Francesco ITA LAMPRE - N.G.C.
11º 206 VAN GARDEREN, Tejay USA RABOBANK

MELHOR PORTUGUES

1º 175 PIRES, Bruno POR BARBOT-SIPER
2º 151 MACHADO, Tiago POR MADEINOX- BOAVISTA
3º 183 VITORINO, Nelson POR PALMEIRAS RESORT--TA
4º 198 VAZ, David POR PAREDES ROTA DOS MOV
5º 148 VITOR, Hugo POR C. C. LOULÉ- LOULETA
6º 178 OLIVEIRA, Helder POR BARBOT-SIPER
7º 157 ROCHA, Nelson POR MADEINOX- BOAVISTA
8º 195 PINHO, Celestino POR PAREDES ROTA DOS MOV
9º 167 SOUSA, Rui POR LIBERTY SEGUROS
10º 187 CALDEIRA, Samuel POR PALMEIRAS RESORT--TA
11º 158 BENTA, Joao POR MADEINOX- BOAVISTA


GERAL EQUIPAS

1º PALMEIRAS RESORT--TAV PRT 042:13:58
2º EUSKALTEL-EUSKADI EUS 042:14:53
3º MADEINOX- BOAVISTA MAD 042:15:03
4º CERVELO TEST TEAM CTT 042:15:14
5º BARBOT-SIPER BSP 042:15:16​


fonte: Superciclismo Online
 
#10
4º Etapa Castro Marim- Tavira (CR) 33.7km


Contador arrasa contra-relógio



O espanhol Alberto Contador (Astana) foi o mais forte no contra-relógio de hoje da Volta ao Algarve, deixando a 33 segundos Sylvain Chavanel (Quick Step), que foi segundo, tal como havia sido em 2008. Toni Colom (Team Katusha) foi décimo e cedeu a liderança da geral a Contador, que tem mais de um minuto de vantagem para o segundo.

Partia como um dos principais favoritos à vitória e cumpriu as expectativas. Alberto Contador (Astana) percorreu os 33,7 quilómetros do contra-relógio entre Castro Marim e Tavira em 44:05 minutos, menos 33 segundos que Sylvain Chavanel (Quick Step) e menos 36’ que Andreas Klöden (Astana), respectivamente segundo e terceiro.

Tiago Machado (Madeinox-Boavista) foi o melhor português, no quarto posto, mostrando-se capaz de rivalizar com os melhores do mundo neste tipo de esforços. O top-10 foi fechado por Toni Colom (Team Katusha), líder à partida, que perdeu 1.27 minutos, um pouco mais que o campeão mundial de contra-relógio Bert Grabsch (Team Columbia), que estreou hoje o seu distinto equipamento.

Na classificação geral, Contador é o novo líder com 1.06 minutos de vantagem para Sylvain Chavanel, que se prepara para repetir o segundo posto alcançado em 2008. Com intervalos de um segundo, Rubén Plaza (Liberty Seguros) é terceiro, Machado quarto e Klöden quinto, podendo esperar-se luta pelas bonificações das três metas volantes de amanhã.

Koldo Fernández (Euskaltel-Euskadi) manteve a liderança na regularidade, uma classificação ainda em aberto, tal como a da montanha e a das metas volantes. Mauro Santambrogio (Lampre) lidera na montanha mas tem em igualdade pontual Philippe Gilbert (Silence-Lotto) e Celestino Pinho (Fercase) está a apenas três pontos. Nas metas volantes, Sérgio Sousa (Madeinox-Boavista) lidera mas ainda todos os ciclistas podem vencer.

Entregues parecem estar as classificações de melhor jovem e melhor português, onde Machado comanda confortavelmente, e a colectiva, onde a Astana se afigura como vencedora.

A etapa de amanhã partirá às 10 horas de Vila do Bispo, com os ciclistas a terem pela frente 168,8 quilómetros até Portimão, onde deverão chegar por volta das 13h50. Pelo caminho passarão pela Fóia, contagem de segunda categoria, mas a meta estará 60 quilómetros depois.

Classificação da etapa

Ciclista Equipa Tempo
1 Alberto Contador Astana 0:44:05
2 Sylvain Chavanel Quick Step + 0.33
3 Andreas Klöden Astana + 0.36
4 Tiago Machado Madeinox-Boavista + 0.50
5 Rubén Plaza Liberty Seguros + 0.59
6 Tony Martin Team Columbia + 1.04
7 Bert Grabsch Team Columbia + 1.11
8 Ignatas Konovalovas Cervélo TestTeam + 1.12
9 David Millar Garmin-Slipstream + 1.18
10 Toni Colom Team Katusha + 1.27


Classificação Geral

Ciclista Equipa Tempo
1 Alberto Contador Astana 14:48:18
2 Sylvain Chavanel Quick Step + 1.06
3 Rubén Plaza Liberty Seguros + 1.07
4 Tiago Machado Madeinox-Boavista + 1.08
5 Andreas Klöden Astana + 1.09
6 Toni Colom Team Katusha + 1.23
7 Tony Martin Team Columbia + 1.57
8 Simon Gerrans Cervélo TestTeam + 2.02
9 Alejandro Marque Palmeiras-Prio-Tavira + 2.08
10 David Millar Garmin-Slipstream + 2.11​



Fonte: Ciclismo Digital
 
#11
5º Etapa Vila do Bispo-Portimão 168,8 km

Alberto Contador vence «Algarvia», Haussler ganha última tirada​



Alberto Contador foi este domingo coroado, em Portimão, como o grande vencedor da 35.ª Volta ao Algarve/Crédito Agrícola, cuja 5.ª e última etapa foi ganha por Heinrich Haussler (Cervelo Team), ao «sprint».

A última etapa (168,8 km, Vila do Bispo-Portimão) voltou a ser animada por uma fuga mas a equipa do «camisola amarela», a Astana, controlou a questão sem dificuldades e levou o pelotão compacto até à meta.

O corredor da Cervelo Team repetiu o triunfo obtido na primeira etapa, em Olhão, batendo ao «sprint» Greg van Avermaet (Silence-Lotto) e Wouter Weylandt (Quick Step).

No final, o espanhol Alberto Contador subiu ao pódio como o grande vencedor da prova, juntando mais um título ao seu palmarés, do qual constam, por exemplo, o «Tour» em 2007 e o «Giro» e a «Vuelta» em 2008.

Huub Duyn (Garmin/Slipstream), Björn Schröder (Milram), Johan Coenen (Topsport Vlaanderen), Steven van Vooren (An Post Sean Kelly Team) e Johnny Hoogerland (Vacansoleil) fugiram logo ao início.

Os corredores ultrapassaram várias metas volantes e duas contagens de montanha – uma das quais no Alto da Fóia –, mas só Hoogerland resistiu até ser alcançado, depois da passagem pelo Autódromo do Algarve.

Classificação etapa:​

1.º, Heinrich Haussler (Cervelo Team), 4:16.04 horas (média de 38,849 km);
2.º, Greg van Avermaet (Silence-Lotto), m.t.;
3.º, Wouter Weylandt (Quick Step), m.t.;
4.º, Bernhard Eisel (Team Columbia), m.t.;
5.º, Leonardo Duque (Cofidis), m.t.;
6.º, Manuel Cardoso (Liberty Seguros), m.t.;
7.º, Samuel Caldeira (Palmeiras Resort/Prio/Tavira), m.t.;
8.º, Alexandre Blain (Cofidis), m.t.;
9.º, Gabriel Rasch (Cervelo Team), m.t.;
10.º, Robbie McEwen (Team Katusha), m.t. (…).

Classificação geral final:​

1.º, Alberto Contador (Astana), 14:48.18 horas;
2.º, Sylvain Chavanel (Quick Step), a 1.06 minutos;
3.º, Ruben Plaza (Liberty Seguros), a 1.07 min;
4.º, Tiago Machado (Madeinox/Boavista), a 1.08 min;
5.º, Andreas Kloden (Astana), a 1.09 min;
6.º, Toni Colom (Team Katusha), a 1.23 min;
7.º, Tony Martin (Team Columbia), a 1.57 min;
8.º, Simon Gerrans (Cervelo Team), a 2.02 min;
9.º, Alejandro Marque (Palmeiras Resort/Prio/Tavira), a 2.08 min;
10.º, David Millar (Garmin/Slipstream), a 2.11 min (…).​