Um Blog muito interessante, mas assustador! (or not)

#5
Bem, há ali casos em que não havia material que resistisse, tipo bicicletas a serem passadas a ferro por camiões, nem que fossem de pedra :D Mas há casos em que o uso de carbono não faz o menor sentido, como nos guiadores, por exemplo (estrada, pois contra-relógio é outro caso).
 
#6
Eu sinceramente tenho um bocado de receio em componentes de carbono. Guiadores, avanços, espigões de selim e principalmente carris de selins em carbono... Coloquei à pouco tempo um espigão de selim em carbono na bike de BTT. Agora vamos lá ver. Mas guiadores e avanços é que vai ser difícil...