Segunda Fininha, depois da Triban

#1
Olá, e muito boa tarde a todos;

Depois de uns 3 anos a pedalar e a gostar cada vez mais deste hobby, estou em vias comprar uma nova bicicleta;

Tenho uma Triban 540, e adoro a bicicleta, não penso em desfazer-me dela nunca, ainda hoje acompanhou-me em quase 100kms à volta de Coimbra, mas gostava de ter uma coisa mais … exótica...

Assim sendo as minhas escolhas recaem sobre a nova TCR e a nova Emonda que já saiu entretanto;

Ambas têm rodas de carbono, sendo que a Giant já tem o medidor de potência integrado;

Presentemente, não tenho nenhum computador, mas se adquirir um, e se começar a ficar um freak dos números, já tenho essa vantagem na TCR...

A Emonda não tem este equipamento, mas tem uns cabos mais escondidos, e é mais apelativa ao olhar...

Por outro lado, o SLB ganhou a volta com a TCR...

Não entendo grande coisa sobre as rodas que uma e outra trazem, apenas vejo uns vídeos no youtube, e noutro fórum, um user teve a amabilidade de me dar algum feedback ( obrigado novamente ednuno).

O que acham das duas? Estamos a falar das gamas médias, não as SL e SLR.

Acham que qualquer uma destas é mais bike que uma Orbea Orca ( gama média, por exemplo? ( o meu companheiro de voltas tem uma destas, que comprou recentemente, mas eu quero ter uma melhor que ele, eheheh)

Obrigado desde já,

Rui
 
#3
Então de uma ou outra venha o diabo e escolha…é isso?

Bem se alguém tiver alguma opinião que possa partilhar, agradeço; A questão do medidor de potência pode ser secundária se a Emonda tiver alguma característica que supere a TCR de forma decisiva;

Quanto às gajas... há algumas que trepam bem melhor que outras...;)
 

Carolina

Well-Known Member
#4
Primeiro comparava a geometria da triban com a da emonda e a da TCR pra ter a certeza que qualquer uma delas serve.

Depois escolhes a que achares mais bonita ou aquela em que conseguires o melhor negócio.

Ficas bem servido com qualquer uma delas.
 
#5
Obrigado Carolina, pelo reply.
Estive a ler que a TCR tem a pedaleira com rolamentos prensados, ao passo que a Emonda tem um corpo que é roscado no quadro. A minha Triban estala quando estou a pedalar de pé do lado direito, e atribui este barulho ao conjunto quadro+rolamentos+pedaleira de baixa qualidade. Não ligo muito a isto na Triban, mas numa bicicleta do preço das que estou a namorar, vou achar isso inaceitável. Tens algum feedback sobre qual será o sistema mais robusto? Preocupo-me em demasia? São estes pequenos detalhes que podem fazer pender o prato da balança… Até sexta-feira tomo uma decisão. Tenho 2 propostas, e uma delas vou tentar negociar ainda mais um pouco e vou ver se ainda consigo mais umas propostas de outras lojas que vendam as 2 marcas...
 

Carolina

Well-Known Member
#6
Se estala é porque tens de levar isso ao mecânico para ver o que se passa.

Na minha trek nunca tive esse problema.
 

Bruso

Well-Known Member
#7
O bottom bracket prensado tem essa fama.
Eu faço a manutenção à minha bike e ter um BB prensado obrigaria a comprar ferramentas específicas ( cannondale é de evitar a todo o custo).

Em relação aos modelos que aí mostraste acho que se equiparam muito. Se são ambas o mesmo preço e uma vem com powermeter acho que a escolha é óbvia.
 

jcca

Well-Known Member
#8
Oi Compra a que te der mais gosto de olhar e andar......

Tenho uma Triban 540, e adoro a bicicleta, não penso em desfazer-me dela nunca, ainda hoje acompanhou-me em quase 100kms à volta de Coimbra, mas gostava de ter uma coisa mais … exótica...
Fica com ela só se quiseres ter uma bicicleta de inverno/chuva e que também serve para andares 2as a 3 vezes por semana para treinares mais pesado de forma a quando andares com a nova te sentires sempre a voar, caso contrário vende-a ou dá a alguém que gostes a estime e se inicie nestas lides....

Acham que qualquer uma destas é mais bike que uma Orbea Orca ( gama média, por exemplo? ( o meu companheiro de voltas tem uma destas, que comprou recentemente, mas eu quero ter uma melhor que ele, eheheh)
Até fui confirmar só para não meter o pata na poça..... (eu sou fã da Orbea) a Orca do teu colega se for a Aero é sempre melhor que qualquer das tuas hipoteses (as tais que não são SL ou SLR) só existe em Carbono OMR (o que a Orbea utiliza para a competição) muito rija e reativa, se for a Orca normal em termos dos quadros dos modelos neste momento só existem em Carbono OMX (o topo de gama em disco e novo modelo aerodinâmico) depois são todas em OMR e existem três modelos que não são gama média mas sim baixa são quadros em carbono OME (mais flexível) notas a diferença entre elas no corte do tubo onde entra o espigão de selim os OMR são cortados rente ao TopTube e os OME são estilo mais clássico saindo um pouco acima do TopTube.
Se experimentares uma Orca afinada ao teu tamanho dificilmente vais para uma das tuas hipóteses (a não ser que sejas fã de alguma das marcas), pois até consegues fazer a pintura ao teu gosto sem pagares mais por isso.....
 

jppina

Well-Known Member
#10
Bem, falas da nova TCR e nova Emonda, calculo que te estejas a referir aos modelos de 2021, certo?

Em relação à Emonda ainda não há informação oficial em relação ao modelo de 2021 (que eu saiba)... pelo que calculo que nem o preço se deve saber na versão com rodas de carbono de que falas.

Em relação aos modelos de 2020, a comparação é que são bikes equivalentes, pelos que será uma questão de gosto/preço. Possivelmente para 2021 será a mesma coisa, é comparar preços e o apelo visual poderá ser decisivo. Palpita-me que a Giant será sempre mais apetecível em questão de preço equipamento pelo facto de já vir com powermeter dual...
 
#11
Oi Compra a que te der mais gosto de olhar e andar......



Fica com ela só se quiseres ter uma bicicleta de inverno/chuva e que também serve para andares 2as a 3 vezes por semana para treinares mais pesado de forma a quando andares com a nova te sentires sempre a voar, caso contrário vende-a ou dá a alguém que gostes a estime e se inicie nestas lides....
A ideia é ter a Triban para as saídas semanais sim, a além disso, posso sempre emprestar a alguém que queira experimentar uma bicicleta de estrada.


Até fui confirmar só para não meter o pata na poça..... (eu sou fã da Orbea) a Orca do teu colega se for a Aero é sempre melhor que qualquer das tuas hipoteses (as tais que não são SL ou SLR) só existe em Carbono OMR (o que a Orbea utiliza para a competição) muito rija e reativa, se for a Orca normal em termos dos quadros dos modelos neste momento só existem em Carbono OMX (o topo de gama em disco e novo modelo aerodinâmico) depois são todas em OMR e existem três modelos que não são gama média mas sim baixa são quadros em carbono OME (mais flexível) notas a diferença entre elas no corte do tubo onde entra o espigão de selim os OMR são cortados rente ao TopTube e os OME são estilo mais clássico saindo um pouco acima do TopTube.
Se experimentares uma Orca afinada ao teu tamanho dificilmente vais para uma das tuas hipóteses (a não ser que sejas fã de alguma das marcas), pois até consegues fazer a pintura ao teu gosto sem pagares mais por isso.....
A do meu colega é a Orbea Orca M20 Team D. carbono é OMR. as de topo têm OMX (não faço ideia do significado das designações...). Tenho a ideia que o quadro desta seja com o carbono mid range, semelhante ao das minhas opções. Não percebi muito bem a tua resposta, desculpa desde já. O quadro dessa Orbea é mais sofisticado?
Para o equipamento que traz, acho a TCR e Emonda mais atrativas. Praticamente o mesmo preço e já com rodas de carbono. Mas lá está a diferença está nos detalhes e daí pedir a vossa ajuda...
 
#12
Bem, falas da nova TCR e nova Emonda, calculo que te estejas a referir aos modelos de 2021, certo?

Em relação à Emonda ainda não há informação oficial em relação ao modelo de 2021 (que eu saiba)... pelo que calculo que nem o preço se deve saber na versão com rodas de carbono de que falas.

Em relação aos modelos de 2020, a comparação é que são bikes equivalentes, pelos que será uma questão de gosto/preço. Possivelmente para 2021 será a mesma coisa, é comparar preços e o apelo visual poderá ser decisivo. Palpita-me que a Giant será sempre mais apetecível em questão de preço equipamento pelo facto de já vir com powermeter dual...
São ambas de 2021. Já vi uma brochura da apresentação da Emonda. O preço que me estão a fazer é praticamente o mesmo, daí estar meio indeciso, embora esteja mais a pender para o lado da Giant.
 

jppina

Well-Known Member
#14
Ainda não vi... por isso disse há pouco "que eu saiba"...

Onde se pode ver online? só vi ainda uma foto duma com 105...

Jatamasso, e essa tal brochura, onde se pode ver?
 
#15
Ainda não vi... por isso disse há pouco "que eu saiba"...

Onde se pode ver online? só vi ainda uma foto duma com 105...

Jatamasso, e essa tal brochura, onde se pode ver?
Mostraram-me em mão numa loja. Disseram que ainda não podiam revelar, apenas no dia 18. Mas deu para ver o pormenor dos cabos escondidos, que na SL não são assim tão escondidos, mas muito melhor os da TCR. Existe uma decoração preto vermelho e branco que sinceramente acho espetacular. As formas são muito mais chegadas às da Madone, a bicicleta está bonita como o raio.
 

jcca

Well-Known Member
#16
Compra o que te der mais prazer para os valores que parece que vais gastar dificilmente alguma das hipóteses será má!!!
A do meu colega é a Orbea Orca M20 Team D. carbono é OMR. as de topo têm OMX (não faço ideia do significado das designações...). Tenho a ideia que o quadro desta seja com o carbono mid range, semelhante ao das minhas opções. Não percebi muito bem a tua resposta, desculpa desde já. O quadro dessa Orbea é mais sofisticado?
Não o Carbono OMR é de Topo corresponde aos SLR leveza e rigidez.
Carbonos da Orbea:
OMX - Essencialmente o design novo evolução (só de disco) que a maioria das marcas está a levar as suas bicicletas leves com design aero -ainda dizem que é mais leve e mais rija (mas as percentagens que eles dizem nós dificilmente nos apercebemos) mas mesmo nas reviews internacionais dizem que esta parte é essencialmente marketing.
OMR - Carbono de Topo.
OMP - O tal Mid Range (que neste momento vai para as bicicletas Avant e Terra)
OME - o Carbono de gama baixa (e na orca já nem deves conseguir).
Se a questão é o Powermeter todas as orbeas orcas têm essa opção e não só alguns modelos, pois quando as compras consegues decidir isso tudo um no crank powermeter em alumínio mais 266€ o de carbono 900€.
Dp de escolheres o Modelo tens de escolher tudo, cor base, periférica, logos, etc. (alguns dos opcionais têm custo outros não), tamanho de avanço, de guiador, de pedaleira e os seus dentes, em seguida as rodas o selim etc...se alterares o segmento sim terá custos extra, mas parece-me razoável como podes ver pelo Powermeter referido em cima.
Que nas marcas que tens como opção tem de ser a loja a mudar-te dp de chegar......com custos ou talvez não.....
Agora na Orbea o problema está para as lojas que preferem vender o que têm, mas sei de fonte segura (a minha carteira) que o prazo de entrega não é assim tão grande, e as margens da loja permitem à mesma fazerem-te o mesmo desconto que fariam na bicicleta na bicicleta.

Eu nos meus dias de hoje de certeza que por estes valores testo durante alguns KM e comparo as minhas opções na mesma volta.

Vendo o preço base de venda delas se conseguires a TCR Advance Pró 1 ao preço da Emonda SL6 (3500€) não penses duas vezes, caso contrário tu vê bem o que consegues pelo mesmo valor na Orbea.
Boas dores de cabeça da escolha e dp mtas e boas pedaladas,
Boa Compra.
 

jpacheco

Well-Known Member
#17
Quando comprares a nova @jattamasso até durante a semana deverias andar com ela. Pelo menos durante uns meses para que ao fim de semana nas voltas supostamente maiores estejas bem adaptado.

Quanto á escolha vais chegar ao fim e vai pelo instinto e pelo gosto... Mas ter atenção ao que disse a @Carolina e compra nas medidas mais aproximadas á que já tens agora (e isto é se andas confortável e sem problemas na tua triban!). Boas pedaladas! Pode ser que a gente ainda se cruze aqui pelo centro :)
 

Jacc

Active Member
#18
São ambas de 2021. Já vi uma brochura da apresentação da Emonda. O preço que me estão a fazer é praticamente o mesmo, daí estar meio indeciso, embora esteja mais a pender para o lado da Giant.
Importas-te de dizer os preços.
Brevemente vou comprar bike e tanto uma como outra são do meu interesse.
O preço que me deram pela emonda SL5 e Scott addict 20 foi de 2000€. Achei caro
 
#19
Compra o que te der mais prazer para os valores que parece que vais gastar dificilmente alguma das hipóteses será má!!!

Não o Carbono OMR é de Topo corresponde aos SLR leveza e rigidez.
Carbonos da Orbea:
OMX - Essencialmente o design novo evolução (só de disco) que a maioria das marcas está a levar as suas bicicletas leves com design aero -ainda dizem que é mais leve e mais rija (mas as percentagens que eles dizem nós dificilmente nos apercebemos) mas mesmo nas reviews internacionais dizem que esta parte é essencialmente marketing.
OMR - Carbono de Topo.
OMP - O tal Mid Range (que neste momento vai para as bicicletas Avant e Terra)
OME - o Carbono de gama baixa (e na orca já nem deves conseguir).
.
Boa noite jcca, e obrigado pela extensa explicação!...Entao o meu colega anda com uma bicicleta de carbono de topo sem saber, é assim? Está então justificado (?) o preço que ele pagou, pois sem rodas de carbono e sem power meter, pagou menos 350€ do que eu vou pagar....
 
#20
Quando comprares a nova @jattamasso até durante a semana deverias andar com ela. Pelo menos durante uns meses para que ao fim de semana nas voltas supostamente maiores estejas bem adaptado.

Quanto á escolha vais chegar ao fim e vai pelo instinto e pelo gosto... Mas ter atenção ao que disse a @Carolina e compra nas medidas mais aproximadas á que já tens agora (e isto é se andas confortável e sem problemas na tua triban!). Boas pedaladas! Pode ser que a gente ainda se cruze aqui pelo centro :)
Desde o mês passado que tenho andado praticamente todos os dias, para tentar recuperar alguma da forma que já tive... nao é que fosse grande coisa...e de certeza que ja nos cruzamos pelas estradas à volta de Coimbra.
Relativamente às medidas, acho a Triban algo grande, embora o tamanho inferior ficasse me pequeno... enfim.

Meço 1850mm de altura com 820mm entre pernas. A Giant será um ML e na Trwk deverá ser um 56...