Pneu cortado no interior

#1
Ia eu muito contente de bicicleta à uns dias, entro a uns 40 à hora numa estrada de paralelo muito mal tratada e oiço uma pancada forte. Penso "F*da-se, que m*rda de estrada" mas continuo a pedalar. Poucos metros à frente, o pneu de trás esvazia de repente. Lá troco a câmara e monto o pneu. Inspecionei bem o aro pois pensava que a pancada tinha sido nele mas não, está impecável.

Em casa tentei procurar na câmara velha onde estava o furo e encontrei bem perto do pipo não um mas 2 cortes bem grandes, o típico snake bite, o que me leva a concluir que a pancada foi mesmo forte pois rodo com cerca de 8 Bar na roda de trás. Com isto, decidi inspeccionar o pneu. No exterior notei uma pequena esfoladela na zona do furo e uma ligeira batata. Fiquei mais curioso e fui espreitar o interior e vejo um rasgão por dentro que, naturalmente, rasgou a lona.

A minha pergunta é: será seguro andar com o pneu assim? Visualmente não é algo muito grave, mas a verdade é que como o pneu anda sempre com alta pressão, tenho receio que isto ainda rebente em andamento, além de já ter a ligeira batata por fora que só ajuda à festa. O pneu é um Michelin Pro Race 3 e tem cerca de 5000km (ainda dá mais alguns mas se calhar vou encostá-lo).
 
#3
Epá, na Sexta aconteceu-me práticamente o mesmo, bati numa tampa de esgoto e furei a roda traseira. Já com os pneus que tinha anteriormente me chegou a acontecer o mesmo. O que fiz para não mudar logo de pneu, e ainda andei bastante tempo com ele, até que fiz mais um rasgo e ai troquei, foi colocar por dentro do pneu um remendo. Ainda à cerca de 1 hora atrás estive a fazer o mesmo com o meu e quase não se nota o corte.
 
#5
Eu ainda hoje me aconteceuisso nujm diamante pro novinho. Esta um pouco esfolado ao ponto de se ver algumas fibras mas sem formar papo, mas não queria mandar mais um pneu para o lixo....
 
#6
Amigo esse pneu vai ficar mais fragil por essa zona,devido a nao ter o mesmo numero fibrar radiadas nece sitio.Um dos sinais e o papo que tem.
Mas da para andar,mas com a preção vai ficandio maior o papo acabando por saltitar a roda.
 
#7
Obrigado pelas respostas.

Vou mesmo encostar o pneu, já sei que se continuasse a andar com ele ia sempre pensar quando é que ele rebentava:D Não vale a pena arriscar quando ainda por cima ele já tem bastantes kms.
 
#8
Gonçalo,

Esse pneu está "com o machado no pescoço", porque as lonas foram cortadas nesse local, e um novo resolve o problema de vez. Se quiseres fazer mais alguns kms nele poderás, como já foi dito, colar um remendo por dentro, ou mesmo colocar um manchon de borracha fina. Eu já vi pneus rolarem muito, muito, depois desta operação. Se optares por esta solução tem cuidado em lixar as arestas para que com o tempo não vá trilhando a camara, e não seria totalmente desajustado trocar o pneu da frente para trás, já que se anda com mais pressão atrás do que à frente. Depois uma vigilância constante para ires vendo o evoluír da situação, é deveras importante.

Mais uma vez refiro que esta solução é temporária, mas que sendo bem feita e se os rasgões não forem muito grandes, até resulta.
 
#9
Eu não referi que o meu quase papo é na lateral do pneu. Tenho que atirar com ele fora é que este verão mandei 1 pneu para o lixo por corte lateral quase completo e outro que foi rasgando por todo ao longo do pneu.
Edit:tem 400km :(
 
#10
Este fim de semana descobri um golpe no pneu da frente (Spec. Mondo Pro) provavelmente provocado pelo furo da semana passada em Almada, está-me mesmo a custar mandar para o lixo 1 pneu em bom estado tirando o golpe (lá se vão 30€...), mas já não tenho confiança estive a fazer contas e ainda fez uns simpáticos 2.136Km, já não é tudo perdido...
 
#11
eu tenho um pequeno golpe num pneu mas ate hoje ja fiz um ano de pedaladas com ele, e nada aconteceu, o golpe so cortou borracha ou o tecido tambem, caso tenha ido ao tecido o melhor sera mesmo trocar pois desse vai dar mais furos ou uma queda
 
#12
Após uma analise cuidada do golpe apesar de ser fundo e relativamente grande (+ ou - 7mm) julgo que não cortou o tecido, o pneu novo vou comparar na mesma mas como estamos em tempos de crise e não nos podemos esquecer de ser sustentaveis com o meio ambiente, vou tentar resgatar este pneu para fazer mais alguns Km, o que me aconselharam foi o seguinte:

1) Limpar bem o pneu na zona do corte para verificar se não existem impurezas.
2) Com o pneu bem cheio colocar uma gota de "Super Cola 3" no rasgo e de seguida esvaziar o pneu para que feche.
3) Aguardar de um dia para o outro para que a cola seque bem e com uma lixa muito fininha passar na zona para retirar algum excesso de cola
4) Como reforço posso ainda colocar um remendo na parte interior do pneu

Vou tirar fotos do antes e do depois e prometo ir fazendo aqui uma analise da durabilidade desta solução, de qualquer das formas aconselharam-me a ir controlando a zona para verificar se não cria nenhuma bolha e vou passa-lo para a roda traseira, é da maneira que acabo com ele em cima dos rolos...
 
#13
Apoiado a 99% Figueiredo

Agora passá-lo para trás
é que não me convence, repara, a posição em cima da bike faz com que haja mais peso na roda de trás, logo deve ser a roda com mais pressão, se o vais por atrás e já com essa mazela, não me parece boa ideia

Podes mandar um tralho daqueles, mas o amigo é que sabe se quer dar que fazer aos médicos
 
#14
Pois mas imagina que por um azar muito grande o pneu rebenta a descer é bem mais dificil de controlar a bike se for o da frente pode provocar uma queda grave, sempre me disseram que o pneu em melhor estado deve andar sempre á frente!
 

duchene

Well-Known Member
#15
Bem sei que estamos em crise, mas será que o preço de um pneu compensa todas as preocupações aqui expressas?

Será que vai abrir mais? Será que vai furar? Será que vou ficar apeado a 50km de casa? Será que me vou estampar? Será que aguenta? Será que...?
Este é daqueles componentes que não deve ser descurado uma vez que é o único, sublinho, único, ponto de contacto entre a bicicleta e a estrada.

Por isso, e na minha opinião pessoal, não merece grande ponderação manter um pneu comprometido estruturalmente. Tenho ali uns hutchinson com pouco mais de um milhar de quilómetros que foram encostados pelo mesmo motivo...
 
#16
Tens razão duchene por isso mesmo já encomendei um pneu novo, mas estou mesmo decido a resgatar este nem que seja para fazer rolos... vamos vêr como corre o restauro!
 
#20
Figueiredo

è pena as fotos estarem desfocadas, mas dá para ver que isso não foi um golpe, mas sim um golpalhão. Mesmo com essa operação desconfio que nem para os rolos. Basta encheres o pneu para que a cola não resista, porque a Super Cola3 não é elástica mas sim muito quebradiça. É a minha opinião