Estalidos no Espigão do Selim

#1
Se há coisa que admiro na minha bicicleta é que não faz barulhos nenhuns, ao contrário de muitas bikes que às vezes parecem caixas de pregos a chocalhar. Mas à uns meses mudei o espigão do selim e começaram uns estalidos cada vez que passo em algum buraco, por exemplo. A verdade é que já experimentei de tudo e isto não há meio de acabar.

Já pus vaselina na parte do espigão que entra no quadro, no aperto do espigão, nos rails do selim, etc. Já mudei o aperto do espigão mas não resolveu, já meti uma gota de óleo na zona onde os rails do selim encaixam no próprio selim e também não resolveu.

Alguém se lembra de mais alguma coisa? Tenho a certeza que será do espigão pois os barulhos começaram quando troquei o meu antigo espigão por este. Ainda não tive paciência para cá voltar a meter o antigo para ver se os barulhos acabam, mas de certeza que sim.

Este espigão é mais curto que o outro e por isso entra menos no quadro. Está apertado mesmo perto do limite que lá vem marcado, ao contrário do outro que entrava mais no quadro. Terá haver com isso?
 
#6
Já tentaste os truques todos que costumam resultar logo deve ser mesmo do espigão.
Vários users de espigões em carbono ou outros espigões super leves referem problemas de ruidos parasitas. Mas suponho que não uses um espigão deste tipo logo não haverá ai algum defeito?
Edit: entra mais de 11cm no quadro?
 
#7
O espigão é um Deda Zero 100 de alumínio, bastante mais leve e fino que o que eu tinha anteriormente, mas não é daqueles espigões peso-pluma, acho que pesa o normal. Não sei ao certo quanto ele entra dentro do quadro mas está com a marca do limite dentro do tubo do quadro e a ponta do espigão passa a união do tubo do selim com o tubo horizontal, por isso acho que está "dentro das normas".

Já me aconteceu pegar na bicicleta pela parte de trás do selim quando estou fora dela e estala na mesma. Já me lembrei que possa ser o selim a dar as últimas mas isto começou quando mudei de espigão, por isso acho que o selim está bom. Além disso, só tem uns 5000km, era mau se já estivesse a entregar a alma ao criador. Ainda assim, acho que vou lá montar outro selim a ver se acaba o barulho, mas duvido.

PS: a cabeça do espigão é daquelas com 2 parafusos de ajuste, se isso interessar para o caso... Foi precisamente por isso que o comprei.
 
#8
Tive um problema semelhante num espigão de carbono Massi num quadro da mesma marca. Mesmo ao pegar nela parada pelo selim, dava o tal "estalo", o mesmo acontecia em andamento.

Depois de muita luta e dor de cabeça, arrisquei na altura dar mais um pouco de aperto acima do aconselhado pela própria marca no aperto de selim..... A verdade é que resultou.
 
#9
Tal como o josant disse tenta dar mais força no aperto do selim, a pouco tempo também desmontei o espigão da minha btt para fazer a manutenção (crank brothers) e ao meter ao sitio deixei com um aperto mais fraco e como ele também fica mesmo no limite também ouvia esse estalar a passar nos buracos, ate que decidi dar um aperto mais forte e o barulho acabou...
 
#10
Fico com um bocado de receio de apertar mais, quer o espigão, quer o selim. Acho que já tem aperto mais que suficiente, mas vou tentar mais um pouco a ver se resolve.
 
#11
Sou capaz de apostar que o problema é do selim. Já tive esse ruído na minha BTT e até pensava que era da pedaleira, mas depois reparei que o barulho só acontecia quando ia sentado, então resolvi tirar o espigão e o selim, foi quando reparei que a parte da frente, por baixo, do selim estava partida.
 
#12
Sendo leve ou pesado a situação pode ser igual e na minha opinião eu não lubrificava nada.

Cada vez que por exemplo retiro e reinstalo os meus Selins, isto porque são iguais e não tem uns carris supostamente normais há um ruido inicial quando me sento na bike, deve ser a ir ao sítio.

Não sendo o que acontece aqui e estando tu a utilizares chaves de torque para referencia do aperto maximo no espigão eu fazia o mesmo que o Josant, se eles dizem 8 eu dava 10, mas retira o lubrificante todo a 100%, senão nem com 15Nm por exemplo isso vai deixar de ter movimento.

Não sabendo eu que Selim usas também pode haver o caso que seja mas o Selim a ter ruídos e porque dantes havia um certo espaçamento entre os rails e ouve um acamamento/utilização nessa posição e agora há outra posição de instalação e por isso os Rails roçam numa posição que não a normal ou a anterior. Normalmente essa parte do Selim e a posterior porque estão os 2 rails dentro de um encaixe, isto nos de titanio, nos de carbono estão normalmente colados numa situação normal, claro.
 
#14
Já dei mais aperto, quer no espigão, quer nos rails, mas não melhorou. Vou desapertar um pouco porque tenho a noção que está mesmo com aperto a mais. Se calhar vou experimentar a dica do Nuno e tentar tudo sem qualquer tipo de lubrificante em parte nenhuma. É que as opções estão-se a esgotar e já estou farto daquela merda de barulho. Cada vez que aquilo estala, só me apetece mandar a bicicleta pelo ar!
 

duchene

Well-Known Member
#16
Mais um a votar no selim. No entanto no meu caso o barulho era distintivamente de lá. Selle Italia SLR Gel Flow que nunca ficou bom desde que apareceram os rangidos. A solução era ir lubrificando os pontos de inserção dos carris e foi aguentando até que herdou o que andava na estradista. Agora está ali no caixote das sobras.

Seguindo o método científico podes também começar a eliminar possibilidades com um segundo kit de espigão e selim, fazendo várias combinações: de pé, sentado, a pedalar, sem pedalar, sem pés nos pedais até conseguires isolar o problema...
 
#18
Por várias razões. Gosto de ser eu a tentar resolver os problemas. Além disso, estes estalidos às vezes existem com razões completamente absurdas que até nas lojas ficam à rasca para os encontrar.
 
#20
Geo, não vale a pena entrar por aí, o Burning disse tudo ;)

Burning, experimenta outro espigão e outro selim. Só assim, conseguirás (ou não) despistar o barulho.

Abraços