Bryton rider - complicações e soluções

Eu já não tenho Bryton, mas enquanto tive nunca tive problema de encaixe ou de se soltar
No suporte do avanço que era o que usava na de btt, aquilo encaixava mesmo bem, nunca deu sinal de se mexer
No que se monta no guiador a coisa pia mais fino, apesar que nunca se ter querido ir embora, mesmo no queda feia, não fica tam bem preso
 

ruilebs

Well-Known Member
acabei por mandar vir um suporte f mount da Bryton, de Taiwan. 14€... mas fico mais descansado. Enfim, nao assim tanto, dado o relatado :D
vai é demorar sempre 1-2 meses pois, entretanto vai ter que ser no avanço.
 

ruilebs

Well-Known Member
O Windows n me reconhece o bicho :mad: tenho q ver se encontro drivers disto...
Importação gpx do strava no brytonactive aparentemente funciona (via gpsies), diz ok, mas depois não me aparecem no bicho qd sincronizo.
 

ruilebs

Well-Known Member
Muito desiludido com a navegação (prática) que se consegue num bryton330.
Defini um trajeto de cidade/subúrbio, que apesar de não conhecer, minimamente daria p me orientar. Foi portanto um teste, não uma navegação pura e dura, às escuras.
Mal iniciei deu logo bronca, porque apareceu a dizer "arrived", e eu pensei "ok, qd eu começar a andar ele vai perceber". Não, ficou sempre assim. Só a meio do percurso (na parte em que de facto eu nunca tinha ido) eu cancelei e voltei a fazer "seguir rota", e então sim começou a seguir a linha.
A navegação não é nada fácil.
Primeiro nem sempre é fácil discernir curvas do trajeto com mudanças efectivas de direção. E depois o rigor do GPS deixa muito a desejar.
Entre virar "aqui" ou 1km à frente dá para ver, agora se houver hipóteses diferentes próximas, a coisa complica-se significativamente.
Chegar a uma rotunda e saber qual a saída que queremos, oh boy...pode ser meeeesmo complicado.
Tal é assim que me consegui perder, devido a uma saída "ao lado" numa rotunda.

Outra coisa q me chateia no bryton (como já tinha dito antes) é n poder ter velocidade e velocidade média no mesmo menu.
Isso é o mais importante que há para quem faz algo mais do que passear. Até mais do que a distância percorrida.