Bicicleta + Equipamento necessário

Eu tenho dinheiro para gastar
Eu tenho o fit para a van rysel e para uma outra marca qualquer (trek, pinarello, specialized, o que quiserem)

E tenho que optar por uma. Estamos numa situação em que já tenho tudo alinhado e ou escolho uma van rysel com componentes superiores a uma trek/pinarello/specialized etc ou escolho uma inferior mas que me dará mais segurança no quadro, maior conforto, quiçá uma melhor assistência em caso de garantias...



Não sei se sou um bocado antiquado,mas quando compro qualquer coisa, importa-me a componente ética e responsabilidade social das empresas. Neste caso creio que a TREK é um bom exemplo. Doa uma parte dos lucros, a centros que investigam acidentes com ciclistas, utiliza materiais reciclados, como o plástico, e pelo que tenho lido em diversos fóruns, em relação às garantias tem um papel exemplar na relação com o cliente. (O que não quer dizer que as outras marcas sejam diferentes)

Boa compra
 
Agora que fiz uns 200 km, vou deixar aqui a minha opinião sobre o que acabei por comprar, para ajudar quem apareça com alguma dúvida.

-Bicicleta: VAN RYSEL ULTRA RCR AF ULTEGRA
Estou super contente com a bicicleta, não tenho experiencia com outras, mas sinto que é uma grande bicicleta para rolar na estrada a vontade.

-Calções:Van Rysel Racer
Após estes quilómetros, já começo a ter calo e sinto que são bastantes confortáveis mesmo para voltas maiores de 2H.

-Sapatos: Van Rysel Roadr 520
Não tenho experiencia com outros sapatos, mas são bastante confortáveis e sinto que a força aplicada, muito pouca é desperdiçada.

-Pedais: Shimano RS500 -
De tudo o que comprei, penso que os pedais foram o unico que me desiludiu um pouco, há uns anos já tinha experimentado uns pedais de btt baratos e sinto que eram muito mais fáceis de encaixar do que estes. Estes pedais nem sempre voltam a posição de repouso sem que eu dê um toque com o pé.

-Jersey: Triban RC100
Apesar de ser um jersey barato, tem 6 bolsos com 2 fechos, sinto-me bastante confortável com ele vestido
 

Carolina

Well-Known Member
É normal os pedais de estrada eles ficarem na posição ideal. Uma parte do pedal é mais pesada, portanto irão sempre rodar. Os de BTT são simétricos, por isso não têm tanto esse problema, para além de que permitem encaixar dos dois lados.
 
É normal os pedais de estrada eles ficarem na posição ideal. Uma parte do pedal é mais pesada, portanto irão sempre rodar. Os de BTT são simétricos, por isso não têm tanto esse problema, para além de que permitem encaixar dos dois lados.
Sim eu sei, o que quis dizer é que não ficam com a parte mais pesada para baixo sempre, as vezes parece que prendem em certas posições e tenho de dar um toque com o pé para ele rodar e ficar com a parte mais pesada para baixo.
 

torui

Well-Known Member
Regra geral a "plataforma" dos pedais de estrada encontra-se sempre virada para baixo. Encaixas um dos pés, por sua vez o outro pé tem que dar uma ligeira pancada no outro pedal, para que este rode e a plataforma fique ao alcance do encaixe. É uma questão de hábito, o melhor é treinares este procedimento em terreno plano.......vai chegar uma altura que instintivamente encaixas e quase nem precisas de olhar para os pedais.
 

jocarreira

Well-Known Member
Os pedais podem é ter um pouco mais de "massa" o que faz com que não fiquem sempre na mesma posição quando estão desencaixados. Eles rodam livremente?

Com os Assioma tenho o "problema" contrário, eles rodam até demais e às vezes para encaixar o segundo pé não vai à primeira.