Notícias do ciclismo Tuga 2019

jocarreira

Well-Known Member
#63
A cara dele quando olha para o lado e vê o de Mateos... priceless!
O lado positivo é que é a última vez que faz uma destas, a partir de agora só vai levantar os braços 5 metros depois do risco.
 

FSilva

Moderador
Staff member
#67
Jóni Brandão ganha a terceira etapa seguida e fecha o GP JN em grande! Ricardo Mestre é o vencedor final!

Jóni Brandão esteve a um nível impressionante nos últimos dias. Conseguiu destacar-se em relação aos homens fortes do pelotão nacional de forma exímia. Chegou para assaltar o segundo lugar da geral individual, que era de Alejandro Marque, mas não foi suficiente para alcançar o primeiro lugar de Ricardo Mestre.

Top 5 final ( geral individual):
1º lugar: Ricardo Mestre (W52 FC Porto) 20:33:24
2º lugar: Jóni Brandão (Efapel) + 36s
3º lugar: Alejandro Marque (Sporting-Tavira) + 59s
4º lugar: Edgar Pinto (W52 FC Porto) + 1:28s
5º lugar: António Carvalho (W52 FC Porto) + 1:32

Ricardo Mestre renova assim o título para a W52. Visto que no ano passado, António Carvalho tinha sido o vencedor.

Geral de equipas: W52 ganhou
Geral dos pontos: Joni Brandão- 110 pontos (Efapel)
Geral das Montanhas: Bruno Silva- 51 pontos (Efapel)
Geral da Juventude: Rafael Lourenço (Oliveirense)
 

jlr

Well-Known Member
#68
O Jóni foi realmente o homem mais forte da prova, só falhou na fuga que decidiu a geral. Logo aí perdeu 2min para o Ricardo Mestre.

Durante este fim-de-semana, destaque para a Maria Martins que depois do 7º lugar, conseguiu um 4º e 3º no Tour de Bretagne Féminin, onde a Daniela Reis fecha a geral em 14ª.
No ciclismo de pista, o Miguel do Rego e o Iuri Leitão estão a preparar o Europeu sub-23, foram à Alemanha e à Rép. Checa buscar um 4º lugar no Madison e a vitória na corrida por pontos por parte do Miguel.
 

cutkiller

Well-Known Member
#69
O Sporting- Tavira tem sido uma desilusão.. Uma equipa que tem Tiago Machado, José Mendes, Frederico Figueiredo e Alejandro Marque tem de fazer muito mais daquilo que tem feito.
Ou estão a por as baterias todas na Grandíssima, ou simplesmente o Tiago e o Mendes vieram para cá passear as bicicletas..
 

Tourmalet

Well-Known Member
#73
Ele esteve em estágio de altitude na Sierra Nevada e depois retornou à competição no Memorial Bruno Neves (fez 6º), GP Anicolor (fez 4º) e agora no GP JN (19º na geral).
Nice, obrigado, tem estado no activo então, era fixe que ele estivesse em força na Volta pra pelo menos dar alguma luta a W52.
 
#74
Pelo que se tem visto até agora só mesmo o Joni Brandão pode dar alguma luta à W52 na volta e mesmo assim não sei se terá equipa para isso.
 

jlr

Well-Known Member
#75
Se tivermos em consideração a época até ao momento, concordo contigo. Mas Volta é Volta e já se sabe que há equipas que apostam tudo nisso, vamos ver como aparece o Sporting com o Machado e o Mendes, o Louletano com o de Mateos ou mesmo o Boavista com o Benta.
Isto sem descartar as equipas PCT, que se alguma delas fizer da Volta uma prioridade (ao contrário dos últimos anos), também se arriscam a vencer.
 

FSilva

Moderador
Staff member
#76
Se tivermos em consideração a época até ao momento, concordo contigo. Mas Volta é Volta e já se sabe que há equipas que apostam tudo nisso, vamos ver como aparece o Sporting com o Machado e o Mendes, o Louletano com o de Mateos ou mesmo o Boavista com o Benta.
Isto sem descartar as equipas PCT, que se alguma delas fizer da Volta uma prioridade (ao contrário dos últimos anos), também se arriscam a vencer.
E este ano temos a presença da Arkea. Não é uma equipa de topo que devem trazer mas ainda assim não deixa de ser uma boa equipa.
Também já vimos que a caja rural tem feito boas provas em portugal e se quiserem conseguem tambem entrar na luta.
Entendo as equipas portuguesas que a volta é o momento alto e onde podem brilhar, mas faz falta esta competição exterior para dar um novo ar a prova.
 

Tourmalet

Well-Known Member
#77
E este ano temos a presença da Arkea. Não é uma equipa de topo que devem trazer mas ainda assim não deixa de ser uma boa equipa.
Também já vimos que a caja rural tem feito boas provas em portugal e se quiserem conseguem tambem entrar na luta.
Entendo as equipas portuguesas que a volta é o momento alto e onde podem brilhar, mas faz falta esta competição exterior para dar um novo ar a prova.
Off-topic

Já tinha visto essa equipa no site da Ekoi, nem sabia se era "invenção" deles :D

O equipamento até acho bem fixe: