Notícias do ciclismo nacional 2020

gfrmartins

Well-Known Member
Normal não é, só é normal porque não existe qualquer tipo de interesse/capacidade de fazer algo fora do normal, são federações, entidades habituadas a fazer o mesmo desde os anos 80 por isso mudar qualquer coisa ou pensar em algo novo é para esquecer.

Enquanto pensarem que esta será uma volta a portugal igual a todas as outras que houveram nos ultimos 15 anos é melhor esquecer mesmo
 

Sword

Well-Known Member
Eu compreendo quando dizes que normal não é, mas a verdade é que em Portugal só há futebol. O resto é paisagem. As modalidades amadoras não há muito tempo, dois anos máximo, tinham de pagar para terem honras de direito de transmissão televisiva. Imagine-se um jogo de Andebol ou Voleibol ser transmitido porque houve pagamento para isso.

Eu arriscaria a dizer que mais de 80% do universo de atletas das modalidades chamadas amadoras são isso mesmo amadores...os dirigentes são amadores e andam lá por carolice e amor à modalidade e os atletas muitos deles ou trabalham ou se estão à espera do ordenado pra viver mal vão, infelizmente.

No ciclismo apesar de ser um desporto à parte se não houver autarquias e/ou patrocinadores (que diga-se a verdade também está apertado para eles) não há quem sustente a Volta, mas deixo o desafio...onde se poderia ir buscar dinheiro para fazer a Volta num desporto em que nem dá pra cobrar bilhete?
 

pratoni

Well-Known Member
Eu compreendo quando dizes que normal não é, mas a verdade é que em Portugal só há futebol. O resto é paisagem. As modalidades amadoras não há muito tempo, dois anos máximo, tinham de pagar para terem honras de direito de transmissão televisiva. Imagine-se um jogo de Andebol ou Voleibol ser transmitido porque houve pagamento para isso.

Eu arriscaria a dizer que mais de 80% do universo de atletas das modalidades chamadas amadoras são isso mesmo amadores...os dirigentes são amadores e andam lá por carolice e amor à modalidade e os atletas muitos deles ou trabalham ou se estão à espera do ordenado pra viver mal vão, infelizmente.

No ciclismo apesar de ser um desporto à parte se não houver autarquias e/ou patrocinadores (que diga-se a verdade também está apertado para eles) não há quem sustente a Volta, mas deixo o desafio...onde se poderia ir buscar dinheiro para fazer a Volta num desporto em que nem dá pra cobrar bilhete?
O ciclismo é um desporto que só faz sentiso render com a tv...
 

jlr

Well-Known Member
Este domingo, a partir das 15h, realiza-se a Prova de Reabertura - CAR Anadia (a contar para a Taça de Portugal de Elites e para a de Sub-23). Vai-se realizar em formato de contra-relógio individual e tem partida e chegada em Sangalhos:



As equipas nacionais de Elites e Sub-23 podem participar com um máximo de 5 corredores mas os atletas portugueses a correr no estrangeiro também vão poder participar.

Se alguém estiver a contar ir ver, não se esqueça de dar uma olhadela no manual de desconfinamento publicado pela Federação.
 

FSilva

Moderador
Staff member
Elenco de luxo no regresso à estrada

4 corredores World Tour: Rui Costa, Rui e Ivo Oliveira (UAE Emirates) e Rúben Guerreiro (EF Education First)
1 corredor Pro Team: José Neves (Burgos)

As maiores ausências é mesmo o Nélson Oliveira e o José Gonçalves, mas devem ter compromissos com as equipas deles.
Diria que entre o Neves e os Irmãos Oliveira podem estar os mais fortes.
Mas no panorama das equipas portuguesas aposto no António Carvalho
 

jlr

Well-Known Member
Volta a Portugal entre final de setembro e início de outubro

Vai haver Volta a Portugal entre o final de setembro e o início de outubro, garante à Renascença o presidente da Federação Portuguesa de Ciclismo. Delmino Pereira conta revelar nos próximos dias as linhas gerais da maior prova velocipédica nacional, incluindo os locais que irão acolher o início e o fim.
Vamos a ver se é desta.