A mítica Estrada Nacional 2

Cumprimentos pessoal, o meu interesse é fazer a N2 a solo e sem apoio.

Os meus stresses sao viagem pra chaves, e autocarro com bike desmontada sera a unica solucao certo?

Mas tambem onde ficar, por nao queria gastar muito. Onde costumam ficar?

E depois leva a outra questao o que levar e como. Ouvi falar em dormir nos bombeiros mas depois preciso saco cama penso eu e como leva-lo? Pousadas juventude? Albuerges? Hostels? Falam com eles antes e marcam?
Pode parecer estranha a pergunta mas é aquela coisa de se ir a pedalar e sentir que nao da mais e fico ja aqui ou estar bem e quero continuar, ou tiver contratempos, se tiver coisas marcadas depois nao da.
Sera que era possivel ter essa liberdade de ir sem marcar nada ou é de doido?

Tambem perguntar qual a melhor altura pra ir na vossa opiniao.
 
Cumprimentos pessoal, o meu interesse é fazer a N2 a solo e sem apoio.

Os meus stresses sao viagem pra chaves, e autocarro com bike desmontada sera a unica solucao certo?
Sim

Mas tambem onde ficar, por nao queria gastar muito. Onde costumam ficar?
procura no booking.com. De forma genérica e dependendo dos lugares fico em Hoteis, alojamento local, paragens de autocarro, em ultimo caso Bombeiros ou á porta deles...

E depois leva a outra questao o que levar e como. Ouvi falar em dormir nos bombeiros mas depois preciso saco cama penso eu e como leva-lo?
Não necessariamente, mas é conveniente. Outra solução é um "liner" https://www.decathlon.pt/lencol-saco-cama-campismo--id_8382711.html Atenção aos bombeiros, a minha opinião é que só devem ser utilizados em ultimo recurso e não como um alojamento turistico.

Pousadas juventude? Albuerges? Hostels? Falam com eles antes e marcam?
Podes sempre arriscar e bateres á porta quando chegares.

Pode parecer estranha a pergunta mas é aquela coisa de se ir a pedalar e sentir que nao da mais e fico ja aqui ou estar bem e quero continuar, ou tiver contratempos, se tiver coisas marcadas depois nao da.
Sera que era possivel ter essa liberdade de ir sem marcar nada ou é de doido?
Nada mais natural...convém é ires preparado para tal. Dorme-se muito bem nas caixas MB, lojas de vending, bombas de gasolina, paragens de autocarro, e qualquer alpendre/telheiro desde que minimamente abrigado.

Tambem perguntar qual a melhor altura pra ir na vossa opiniao.
Depende do que pretendes com a viagem e no formato em que decides fazê-la. Como é óbvio numa altura do ano em que os dias sejam maiores e esteja bom tempo é mais agradável.
 

JPLopes_73

Well-Known Member
@Paulofski
Já tinha lido o teu blog e achei muito bom teres assumido o desafio na companhia com que o iniciaste.
Conheço destas aventuras o Jacinto Oliveira e sei perfeitamente que se saiu foi mesmo obrigado a fazê-lo.

Ainda ofereci ajuda aqui na zona centro no dia em que por cá passaram, mas não foi necessária.

Não sei se a faço outra vez ... mas foi sem dúvida um desafio solitário que deixou recordações ...

Venham outros ...
 
@Paulofski
Já tinha lido o teu blog e achei muito bom teres assumido o desafio na companhia com que o iniciaste.
Conheço destas aventuras o Jacinto Oliveira e sei perfeitamente que se saiu foi mesmo obrigado a fazê-lo.

Ainda ofereci ajuda aqui na zona centro no dia em que por cá passaram, mas não foi necessária.

Não sei se a faço outra vez ... mas foi sem dúvida um desafio solitário que deixou recordações ...

Venham outros ...
Lopes,

Grato pelas palavras de apoio que aqui deixas.

Conhecendo bem o nosso amigo Jacinto Oliveira, como conheço, não foi mesmo nada fácil ter de abdicar quase a meio do passeio. Tenho a certeza que ele não desistiu da ideia de completar a travessia do país pela N2, numa vertente mais cicloturística, com mais dias de viagem e a tenda "às costas". Logo que esteja melhor do seu joelho, certamente irá concretizar esse seu objectivo. Claro que se proporcionar, terei todo o gosto de repetir a dose na sua companhia.
 
Boas.... Estou a agendar fazer a EN2, mas ja vi tantos percursos diferentes que nao sei qual sera o mais correto.
Pelo que li, ha zonas que deixaram de existir na EN2, outras zonas sao IP, e terao de ser evitadas.
Onde conseguirei obter o track, o mais "original" possivel?
 

jcca

Active Member
Boas.... Estou a agendar fazer a EN2, mas ja vi tantos percursos diferentes que nao sei qual sera o mais correto.
Pelo que li, ha zonas que deixaram de existir na EN2, outras zonas sao IP, e terao de ser evitadas.
Onde conseguirei obter o track, o mais "original" possivel?
Bom Dia,

Não é um bicho de sete cabeça, nem ciência oculta mt, menos de foguetões.
Se marcares no strava basta teres uma escala pormenorizada (grande e em alguns locais marcares pontos mais perto).
Em Castro Daire é ires em frente (massagem de Empredrado).
Em Viseu é seguires a circular até a indicação de IP3 e qd não puderes seguir (sinal vertical é saíres direção Tondela)
Na zona de Sta. Comba Dão até Penacova existem três troços que vais ao IP3 mas são pacíficos:
1º Logo à saída de Sta Comba Dão entras no IP3 passas a ponte a logo dp sais.
2º Vais ao lado do IP passas as bombas da Cepsa (antes da barragem da Aguiera) e dp entras no IP3 Só para passares uma ponte (logo dp da ponte sais num restaurante que lá está e assim que sais à dir. viras logo à esq. quase 180º).
3º Dp da Barragem da Aguieira ao chegares cá abaixo (no IP3 é qd passamos por cima do Mondego) tens mais 200m de IP.
O resto achei mt pacífico (fiz uma grande parte no inicio de agosto até ao Barranco Velho N124) e bem indicado (se não forem em ritmo de prova e cegos por falta de O2 no cérebro).
Boas pedaladas.
 

JPLopes_73

Well-Known Member
Boas.... Estou a agendar fazer a EN2, mas ja vi tantos percursos diferentes que nao sei qual sera o mais correto.
Pelo que li, ha zonas que deixaram de existir na EN2, outras zonas sao IP, e terâo de ser evitadas.
Onde conseguirei obter o track, o mais "original" possível?
O troço de Viseu a Penacova é confuso. E sim há algumas entradas no IP3. Neste troço há diversas variantes
- vir pela ciclovia até santa comba dão (estação de comboios do Vimieiro) e virar à esquerda e seguir sempre ...
- Vir pela via alternativa paralela ao IP3 e entrar no IP3 quando há travessia de braços da barragem da Aguieira. Evitar sinais de proibição à circulação de veiculos velocipedes
- vir até Mortágua e depois cruzar o IP3 para Penacova (sobre a barragem da Aguieira)
Na minha opinião este troço devia estar mais bem sinalizado para não criar tanta dúvida, mas é o que temos.

Informação da treta ... o trajecto original da EN2 ... passa no leito da barragem. Há sempre possibilidade de utilizar uma gaivota para fazer o percurso liquido.